Emmy usou foto de compositor vivo em homenagem a artistas mortos

Ao homenagear o compositor André Previn, Emmy usou a foto do músico Leonard Slatkin, que ainda não morreu

  • Por Jovem Pan
  • 23/09/2019 16h11
Reprodução/TwitterO Emmy usou uma foto de Leonard Slatkin para homenagear André Previn

Em sua tradicional homenagem a artistas e pessoas da indústria da TV que morreram no último ano, o Emmy cometeu uma gafe na cerimônia deste domingo (22). Ao citar o músico André Previn, que morreu em fevereiro, a premiação usou uma foto do compositor Leonard Slatkin, que ainda está vivo.

O erro foi percebido pelo próprio Slatkin, que usou o Twitter para criticar a premiação. “Vi que o Emmy postou uma foto minha no ‘Em Memória’ em vez do André Previn. Andre merecia algo melhor”, escreveu.

O engano ainda não teve nenhuma explicação oficial dos produtores do Emmy. Apesar de também ser um compositor que trabalha na indústria, Slatkin nunca trabalhou com televisão, que é o foco da premiação. Ele venceu quatro Grammys e foi por três anos um dos maestros do Hollywood Bowl.

Já André Previn, o homenageado na cerimônia de ontem, venceu quatro Oscars e oito Grammys. Ele também foi indicado seis vezes ao Emmy, mas nunca venceu. O compositor morreu aos 89 anos.