Mãe de criança que inspirou o curta indicado ao Oscar protesta: ‘Enojada’

  • Por Jovem Pan
  • 23/01/2019 13h05
Reprodução/YouTubeO filme concorre na categoria 'melhor curta-metragem'

A indicação ao Oscar de melhor curta-metragem para “Detainment” irritou quem inspirou o caso, baseado em uma história real. A trama mostra um garoto de apenas 2 anos, James Bulger, que foi sequestrado e assassinado por outras duas crianças de 10 anos, em 1993.

Incomodada com a nomeação, Denise Fergus, mãe da vítima, usou o Twitter para anunciar que está “desapontada e enojada”.

“Uma coisa é fazer um filme desses sem entrar em contato ou pedir permissão da família de James. Outra é ter uma criança recriando as horas finais da vida de James antes dele ser brutalmente assassinado e fazer eu e a minha família revivermos tudo isso de novo!”, escreveu Denise na terça (22).

Antes da Academia anunciar os indicados ao Oscar deste ano, Denise abriu uma petição para que “Detainment” não disputasse a estatueta. Ainda que tenha conseguido 90 mil assinaturas, o curta foi anunciado e segue entre os favoritos.

“Depois de tudo que eu disse sobre isso que chamam de ‘filme’ e pedir para ele ser removido, ele ainda está sendo indicado ao Oscar, apesar das 90 mil pessoas que assinaram uma petição, que agora foi ignorada, assim como os meus sentimentos, pela Academia”, disparou Fergus.

A 92ª edição do Oscar acontece no dia 24 de fevereiro.