Pai de ator critica morte de personagem em The Walking Dead

  • Por Jovem Pan
  • 12/12/2017 08h17
DivulgaçãoAlguém mais ficou incomodado com a morte do personagem?

Esse texto contém SPOILERS! Continue por sua conta e risco

The Walking Dead chegou ao seu meio de temporada e deixou os fãs entristecidos com a provável morte de Carl Grimes (Chandler Riggs), após ser mordido por um zumbi. Com o próprio ator afirmando que seu fim é realmente definitivo, algumas críticas foram feitas aos roteiristas. Entre os críticos, o pai de Chandler, William Riggs, desabafou no Facebook e criticou duramente o showrunner Scott Gimple por ter matado o personagem.

“Ver Gimple demitir meu filho duas semanas antes dele completar 18 anos depois de dizer que queria ele na série por mais três anos foi decepcionante. Eu nunca confiei em Gimple ou na AMC, mas Chandler confiava. Eu sei o quanto ele ficou magoado. Mas sabemos como fomos sortudos por termos participado disso tudo e apreciamos o amor dos fãs ao longo dos anos”, escreveu.

A postagem foi deletada em pouco tempo para não causar polêmica, mas diversas pessoas já haviam salvado uma imagem das críticas para deixar clara a decisão, tida como precipitada por muitos, em retirar um dos personagens mais importantes da obra original de Robert Kirkman da série.

Em declaração ao “Hollywood Reporter”, Chandler Riggs afirmou que não esperava a morte de Carl, mas que ainda aparecerá em forma de flashbacks no restante da temporada.

“Eu não esperava que Carl morresse um dia. Mas tem um propósito para a história. Ainda temos um pouco da história dele no nono episódio, isso vai impactar Rick, Michonne e todo mundo. Apesar da história de Carl estar terminando, ela não acabou ainda. Não é algo ruim, porque foi muito legal participar dessa série, mas agora eu preciso ir e fazer coisas que eu não podia fazer antes. Scott quis conversar comigo pessoalmente porque era algo grandioso. Tínhamos terminado uma cena no episódio seis e ele quis falar comigo, junto de meus pais”, explicou.