Roman Polanski ameaça processar Academia do Oscar por “expulsão ilegal”

  • Por Jovem Pan
  • 08/05/2018 15h35 - Atualizado em 08/05/2018 15h41
DivulgaçãoDiretor pediu revisão de decisão que o expulsou da Academia

Expulso da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas na última semana, Roman Polanski decidiu enfrentar os membros da Academia por sua expulsão “ilegal”. Em carta enviada à comissão nesta terça-feira (8), o diretor vencedor do Oscar pediu por uma chance de se defender. Caso contrário irá entrar com processo, informou o Deadline

“Estou escrevendo essa carta para evitar processos desnecessários. O Sr. Polanski tem o direito de ir a tribunal e requerer que sua organização siga os procedimentos e a lei da Califórnia”, escreveu Harlan Braun, advogado do diretor, ao presidente da Academia John Bailey.

“A única solução possível é que sua organização rescinda a expulsão ilegal do Sr. Polanksi e dê à ele um aviso razoável das acusações contra ele e uma audiência para apresentar sua posição com respeito a qualquer expulsão”, continuou.

Roman Polanki foi condenado por abusar sexualmente de uma menina de 13 anos na década de 1970. O diretor nunca enfrentou a prisão nos Estados Unidos porque se exilou na Europa, já que tem cidadania francesa. Ele foi expulso da Academia junto com Bill Cosby, também acusado e condenado por assédio sexual