Scarlett Johansson é criticada por viver personagem trans em novo filme

  • Por Jovem Pan
  • 04/07/2018 11h50 - Atualizado em 04/07/2018 11h51
ReproduçãoOs representantes da atriz afirmaram que ninguém criticou Jared Leto ou Jeffrey Tambor por viverem papéis trans

Scarlett Johansson foi criticada por ter sido escolhida para viver um homem trans em “Rub & Tug”, do diretor Rupert Sanders. Os representantes da estrela de “Os Vingadores” soltaram um comunicado por meio do site “Bustle.com”, ironizando que o mesmo não foi feito sobre outros artistas que interpretaram o mesmo tipo de personagem.

“Diga a eles (os críticos) que podem se dirigir diretamente aos representantes de Jeffrey Tambor, Jared Leto e Felicity Huffman para receberem seus comentários”. Os três artistas foram premiados por viverem personagens trans.

O novo longa de Johansson contará a história real de Jean Marie Gill, também conhecida como Dante Tex Gill, que acabou se tornando um chefe do crime em Pittsburgh na década de 1970 e se via como homem, usando roupas masculinas para ter o respeito de seu bando.

As filmagens da produção devem ter início em fevereiro de 2019. “Rug & Tug” ainda não tem previsão de estreia.