Morre o cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, aos 83 anos

  • Por Jovem Pan
  • 19/02/2020 18h15 - Atualizado em 20/02/2020 10h02
HÉLVIO ROMERO/ESTADÃO CONTEÚDOJosé Mojica Marins, o Zé do Caixão, morreu nesta quarta-feira (19)

O cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, morreu na tarde desta quarta-feira (19), aos 83 anos, vítima de uma broncopneumonia. A informação foi confirmada pela filha dele, Liz Vamp.

Conhecido por dirigir filmes de terror, Mojica ficou famoso em 1964 pelo longa “À Meia-Noite Levarei Sua Alma”, sucesso de bilheteria. Em 2008, ele lançou “Encarnação do Demônio”, que encerrou a trilogia iniciada pelo primeiro filme.

Apesar de ser ignorado pela crítica brasileira no auge da carreira, Mojica foi reconhecido internacionalmente e participou de premiações e festivais na Europa.

Nos anos 1990, ele foi para a TV e apresentou o programa “Cine Trash” na Bandeirantes. Mais recentemente, o cineasta comandava o programa “O Estranho Mundo de Zé do Caixão” no Canal Brasil.

A saúde de José Mojica Marins já estava bastante debilitada desde 2004, quando sofreu um infarto. Em 2014, ele ficou internado por cerca de um mês por problemas cardíacos. Em entrevista ao jornal Extra, em 2019, Liz Vamp afirmou que o pai, recluso há cinco anos, estava com a saúde frágil, mas lúcido.