Vinicius torce pela subida da Mancha Verde: “é como o Palmeiras na 2ª divisão”

  • Por Jovem Pan
  • 02/03/2014 04h29
Vinicius

Vinicius, atacante do Palmeiras, curtiu a noite de sábado (1) no Camarote Brahma do Sambódromo do Anhembi. Em entrevista exclusiva à Jovem Pan, o jogador afirmou que torce pela subida da Mancha Verde, escola atualmente no Grupo de Acesso, e justificou comparando o Carnaval ao futebol. 

“Torço muito pela Mancha. É triste ela estar no Grupo de Acesso. É como no futebol, como se o Palmeiras estivesse na segunda divisão”, disse. 

Ele assumiu, porém, que sua escola do coração é a Unidos da Vila Maria, agremiação também do Grupo de Acesso localizada no bairro homônimo em que nasceu.

“Mas tenho treino na segunda-feira, então não vou conseguir assistir aos desfiles de nenhuma das duas [que acontecem no domingo]. Não aguento mais fazer isso. Sou novo, mas estou velho”, brincou o atleta de 20 anos. 

No dia em que esteve no Sambódromo, o grande destaque da avenida foi a Gaviões da Fiel, escola criada pela torcida do Corinthians, que apresentou enredo em homenagem a Ronaldo. Questionado sobre a homenagem, Vinicius disse que só ficou sabendo dela no momento em que viu o ídolo do clube rival em cima do carro alegórico.

“Eu nem sabia que ele ia estar aqui, que iam fazer homenagem a ele. Só percebi quando o vi lá em cima e o público começou a gritar”, admitiu.