Vocalista do Evanescence processa gravadora: “ela arruinou a banda”

  • Por Jovem Pan
  • 06/01/2014 08h45
Vocalista Amy Lee processa gravadora do Evanescence

Amy Lee, vocalista e fundadora do Evanescence, abriu um processo contra a Wind-Up Records, gravadora que distribuiu os três álbuns do grupo norte-americano. Segundo ela, a empresa “arruinou” a carreira da banda. As informações são do TMZ.

De acordo com o tabloide, a cantora acusou a companhia de ter trocado seus promotores por “um bando de idiotas” que deram “ideias ruins” à banda.

Além disso, a gravadora ainda estaria devendo cerca de 1,5 milhão de dólares em royalties aos músicos.