Almagro, Ramos e Cuevas avançam no Brasil Open de tênis

  • Por EFE
  • 10/02/2015 01h12
Brasil Open/Divulgação Nicolás Almagro venceu esloveno na estreia do Brasil Open

Os espanhóis Nicolás Almagro e Albert Ramos e o uruguaio Pablo Cuevas avançaram nesta segunda-feira para a segunda ronda do Brasil Open, o torneio ATP 250 de São Paulo, que começou a ser disputado hoje.

Almagro, três vezes campeão do torneio (2012, 2011 e 2008), necessitou de 1h38min para derrotar o esloveno Blaz Rola por 2 sets a 0, com parciais de 7-6 (3) e 6-4.

Almagro terá agora pela frente seu compatriota Tommy Robredo, que avançou sem jogar por ser o segundo cabeça de chave do torneio.

Outro espanhol, Albert Ramos, passou pelo brasileiro Guilherme Clezar, por 2 sets a 0, com um duplo 7-5, após 1h48min de jogo.

Ramos enfrentará na segunda rodada o argentino Leonardo Mayer, que avançou automaticamente.

Já o uruguaio Pablo Cuevas bateu o tcheco Jiri Vesely, por 3 sets a 1, com parciais de 6-4, 3-6 e 7-5, e terá pela frente o vencedor do duelo entre os argentinos Federico Delbonis, campeão da última edição, e Facundo Bagnis.

O espanhol Feliciano López, primeiro cabeça de chave, ficou fora do torneio devido a uma lesão sofrida no último domingo na final do ATP 250 de Quito, no Equador.

Além dos primeiros confrontos do quadro principal, também foi disputada hoje a última rodada do classificatório.

O italiano Luca Vanni avançou ao superar por 2 sets a 0, com um duplo 6-2, o espanhol Daniel Gimeno-Tráver, enquanto o argentino Máximo González precisou de três sets para despachar o brasileiro André Ghem, com parciais de 6-4, 1-6 e 6-3.

Já o argentino Guido Pella bateu o romeno Adrián Ungur por 3 sets a 1, com parciais de 6-3, 3-6 e 6-2, e o holandês Thiemo de Bakker se impôs sobre outro argentino, Facundo Bagnis, por 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 6-4.

O torneio oferece US$ 505.655 em prêmios e 250 pontos para a classificação da Associação de Tenistas Profissionais (ATP). O ganhador receberá US$ 80.850 e o vice-campeão ficará com US$ 42,6 mil.

O torneio ATP 250 é disputado nas quadras de saibro do ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, e vai até o dia 15 de fevereiro.