Alonso e Button são punidos por trocas de peças e perdem posições na Bélgica

  • Por Agência EFE
  • 21/08/2015 15h56
Fernando Alonso lamentou ano ruim e prometeu McLaren forte na próxima temproada

Os pilotos Fernando Alonso e Jenson Button, ambos da equipe McLaren, foram punidos nesta sexta-feira com a perda de 30 e 25 posições, respectivamente, por trocarem várias peças de seus carros, e por isso sairão no fim do grid de largada do Grande Prêmio da Bélgica.

O bicampeão espanhol terá uma série de componentes novos para a prova disputada no circuito de Spa-Francorchamps no domingo: motor, turbocompressor, sistemas de recuperação de energia por calor (MGU-H) e por energia cinética (MGU-K) e controle eletrônico. A soma das punições é de 30 posições no grid.

No caso de Button, as peças trocadas são o turbocompressor, os sistemas de recuperação de energia MGU-H e MGU-K, além do motor. Por isso, o britânico perderá 25 posições na largada.

As últimas modificações no regulamento da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) preveem que as punições que não possam ser cumpridas não sejam transformadas em outro tipo de sanção. Por isso, os dois pilotos da McLaren puderam trocar mais peças e continuar saindo da última posição do grid, sem ter, por exemplo, que largar dos boxes ou sofrer outras penalizações no tempo de corrida.