Ancelotti nega intenção de deixar Real Madrid e agradece desmentido de Pérez

  • Por Agência EFE
  • 14/03/2015 14h09
Carlo Ancelotti garantiu que o time está pronto para o clássico com o Barça

O técnico italiano Carlo Ancelotti, do Real Madrid, descartou neste sábado qualquer intenção de deixar o clube, em entrevista coletiva, e aproveitou para agradecer o presidente Florentino Pérez, por ter desmentido a informação de que derrota para o Barcelona, na próxima semana, custaria seu emprego.

“Tenho vontade de seguir aqui, estou muito bem e não tenho nenhuma dúvida. Tenho contrato até 30 de junho de 2016”, disse o comandante campeão das últimas edições da Liga dos Campeões da Europa e Campeonato Mundial de Clubes.

“O presidente fez uma coisa boa, ao desmentir uma informação que não era correta (a da possível demissão). Seu apoio e carinho é demonstrado todos os dias, quando os resultados são bons ou ruins”, completou o treinador.

Ancelotti, no entanto, reconheceu que o elenco está abalado pelas duas últimas derrotas. O revés contra o Athletic Bilbao, custou a liderança do Campeonato Espanhol, e o resultado negativo diante do Schalke 04, por 4 a 3, em casa, por pouco não acabou com o sonho do 11º título continental do clube.

“Nos abalou, mas os jogadores precisam sair rápido dessa situação. Vejo a equipe com vontade de resolver os problemas e se concentrar nas partidas que temos que disputar. Tudo ainda está em aberto e isso nos dá motivação. Como no ano passado, chegaremos ao fim da temporada com chances de ganhar títulos”, disse.

O comandante do Real Madrid aproveitou entrevista coletiva para anunciar que o zagueiro Sergio Ramos e o meia Luka Modric reaparecerão como titulares no duelo contra o Levante, pelo Espanhol. Além disso, abriu possibilidade de Keylor Navas ser utilizado, poupando Iker Casillas para o duelo com o Barça.