Andrea Pirlo não joga mais pela seleção da Itália após a Copa; Juve renova contrato

  • Por Jovem Pan
  • 11/06/2014 16h41
Andrea Pirlo anuncia sua saída da seleção italiana após o Mundial em coletiva nesta quarta

Aos 35 anos, o meio-campo da seleção italiana, Andrea Pirlo, anunciou nesta quarta-feira que não vestirá mais a camisa da Azurra depois do Mundial no Brasil. Pirlo, no entanto, continua defendendo as cores de seu clube, a Juventus de Turim, por mais dois anos, conforme anunciou o clube também nesta quarta em comunicado oficial.

Considerado um dos melhores meias do mundo, além de exímio batedor de faltas, Pirlo jogou 110 jogos pela seleção principal da Itália e marcou 13 gols, desde 2002. Titular absoluto, foi um dos grandes nomes do tetracampeonato mundial conquistado durante a Copa do Mundo da Alemanha em 2006.

O comunicado da Juventus comemora a permanência de Pirlo no time. “A incrível história de Andrea Pirlo e Juventus deve continuar”, diz a nota. “O professor (como é conhecido) renovou seu contrato com o clube, o que significa que ele continuará vestindo a camisa preta e branco até 30 de junho de 2016”. Pelo clube de Turim, Pirlo tem 131 jogos, 14 gols e 30 assistências anotadas, tendo acertado 87% dos 9.345 passes que deu desde 2011, de acordo com o site oficial.