Andrés Sanchez diz estar perto de fechar “naming rights” de estádio do Corinthians

  • Por Agência Estado
  • 13/11/2015 16h32
SAO PAULO, SP 11.11.2015: TREINO-SELECAO - Torcedores. A Selecao Brasileira treinou na manha desta quarta-feira, na Arena Corinthians, zona leste da capital, para o jogo contra o Argentina quinta feira (12), pelas eliminatorias da Copa do Mundo da Russia 2018. (Foto: Ale Frata/Codigo19/Folhapress)Andrés Sanchez admitiu que naming rights da Arena Corinthians estão quase dois anos e meio atrasados

Parece que finalmente o estádio Itaquerão, em São Paulo, deve receber um nome oficial nos próximos dias. O superintendente de futebol do Corinthians e ex-presidente, Andrés Sanchez, revelou nesta sexta-feira que faltam detalhes para o anúncio dos “naming rights” da arena.

“Está quase fechado, mas o torcedor pode ficar tranquilo porque estamos quase dois anos e meio atrasados, mas nos próximos dias vai fechar. Está tudo bem adiantado”, disse o dirigente, em entrevista à SporTV. Ele contou ainda que contou que nem seu filho sabe qual são as empresas que brigam para dar nome ao estádio corintiano e que o anúncio pode acontecer antes do jogo contra o São Paulo no Itaquerão, no próximo dia 22, pela 36.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Sem dar muitas pistas, Andrés Sanchez disse que o clube está irredutível sobre o pedido de cerca de R$ 400 milhões por 20 anos de contrato e que existem duas empresas próximas do acerto. “Uma faltam 20% e a outra, 40%. Tem uma empresa que é um projeto de trabalho, de varejo, e a outra de petróleo. A de varejo pode envolver o sócio torcedor. A de petróleo quer saber de eventos”, explicou.

O dirigente ainda contou que o fato da imprensa não falar o nome da arena é algo que atrapalha nas negociações. Para exemplificar, citou o estádio Allianz Parque, casa do Palmeiras. “O que mais compromete é a internet e a imprensa, por não colocar o nome”, disse.