Ansioso para estreia, B. César vê Palmeiras favorito no Brasileirão

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2014 09h19
O jogador Bruno Cesar da S.E. Palmeiras durante treinamento na Academia de Futebol, no bairro da Barra Funda. São Paulo/SP, Brasil - 10/04/2014. Foto: Cesar Greco / Fotoarena Palmeiras/Divulgação Bruno César revela ansiedade para estreia no Campeonato Brasileiro

Ansiedade. Essa palavra define o sentimento da maioria dos atletas palmeirenses para estrear no Campeonato Brasileiro. Um dos que mais esperam é o meia Bruno César, fora do país há três anos, ele quer voltar a disputar o torneio nacional e garante confiar no potencial de seus companheiros. O ex-corintiano afirmou que vê o Verdão como um dos favoritos ao título pelo início de ano da equipe comandada por Gilson Kleina.

► Concorra ao livro “Libertadores – Paixão que nos une”

Antes de ir ao Benfica, Bruno César foi destaque do Corinthians no Brasileirão de 2010. Mais experiente, ele espera conduzir o Palmeiras ao título nacional no ano de seu centenário. “Estou ansioso, eu estive três anos fora. O meu último Campeonato Brasileiro foi em 2010. Sei que mudou muita coisa, é um campeonato completamente competitivo. Temos de entrar focados desde a primeira partida para dar tudo certo”. O meia disse apostar no bom desempenho que o Verdão demonstrou no início de 2014. “Nós entraremos com favoritismo não só pelo elenco que temos, mas também pelo começo de ano que fizemos. Respeitamos os outros times, mas, se a gente não nos colocar como favoritos, ninguém nos colocará. Tivemos um começo de ano muito bom, foi uma fatalidade o que aconteceu contra o Ituano. Temos de pensar para a frente, sabemos que é um ano importante para o clube”, declarou.

O meia minimizou a eliminação inesperada no Campeonato Paulista e exaltou a qualidade do grupo alviverde. “A gente vinha fazendo uma ótima campanha, tanto é que na fase de pontos corridos ficamos em segundo lugar. Quando o time perde, todo mundo acha um defeito ou um culpado. Mas tenho certeza de que o nosso elenco é forte, todos jogadores foram escolhidos pelo Kleina. É um dos elencos mais fortes em que eu já trabalhei na questão da qualidade”, elogiou.

Questionado sobre a necessidade de reforços, Bruno César não vê a vinda de novos nomes como algo imprescindível. “Os times estão contratando, assim como o Palmeiras foi o que mais contratou no primeiro semestre. O Palmeiras já fez isso, contratou jogadores de nome e qualidade. A diretoria tem um planejamento e verá se é melhor trazer atletas da base ou de nome. O nosso elenco é forte, mas temos os pés no chão e sabemos que não ganhamos nada ainda”, finalizou.

O Palmeiras retorna a campo no próximo dia 20 para enfrentar o Criciúma, fora de casa, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.