Aos 40 anos, Giggs anuncia aposentadoria e será auxiliar de Van Gaal

  • Por Jovem Pan
  • 19/05/2014 14h53
Aos 40 anos

Fim de uma era no Manchester United. O meia Ryan Giggs, aos 40 anos, anunciou a aposentadoria nesta segunda-feira (19), após ser confirmado como auxiliar-técnico do Louis Van Gaal.  Ídolo e recordista de partidas com a camisa dos “Reds”, o galês conquistou 13 vezes o Campeonato Inglês, duas a Liga dos Campeões, uma o Mundial Interclubes e outra o Mundial de Clubes da Fifa. Além dos títulos, o meia vestiu a camisa do United por 963 vezes, estabelenco um novo recorde do clube.

Em carta aberta públicada no site oficial do United, Giggs disse ter realizado um sonho. “Estou extremamente orgulhoso e honrado e me sentindo sortudo por ter representado o maior clube do mundo 963 vezes e o País de Gales em 64 partidas. Meu sonho sempre foi jogar pelo Manchester United. Embora seja triste saber que não vestirei mais a camisa do United como jogador”, disse. 

Sempre muito elegante e sóbrio, o galês agradeceu ao staff do clube inglês e dividiu os méritos de todas as conquistas de sua longa trajetória. “Quero também agradecer enormemente as equipes dos bastidores e de apoio que tivemos em todos esses anos no Manchester United. Não teria alcançado esse sucesso sem a dedicação contínua e compromisso para criar o melhor ambiente para que os jogadores prosperassem. Não teria conquistado 34 troféus na minha carreira sem vocês”.

Ed Woodward, diretor executivo do clube inglês, aproveitou para exaltar os feitos do galês durante sua trajetória como jogador profissional.”Giggs foi um dos melhores jogadores que vestiu a camisa do Manchester United. O que conquistou não será nunca igualado no futebol inglês. Da maneira que ele jogou, era a personificação de um jogador do Manchester United: rápido, habilidoso, divertido e determinado a vencer, jogando um futebol excitante. Seu progresso das fileiras da famosa classe de 92 para o jogador mais condecorado da história deste ou de qualquer outro clube é graças a seu trabalho duro, habilidade e atitude. Ele está no início de um excitante novo capítulo na vida dele e do clube. Mas agora é o momento certo para refletir sobre as realizações do melhor jogador britânico dos últimos 25 anos”, escreveu em comunicado do site oficial.