Apesar do mau tempo, Rosberg diz que treino na Áustria foi proveitoso

  • Por Agência EFE
  • 24/06/2015 20h43
Rosberg foi o mais rápido da sessão de testes da Fórmula 1 realizada no Red Bull Ring

Mais rápido da sessão de testes da Fórmula 1 realizada nesta quarta-feira no Red Bull Ring, na cidade austríaca de Spielberg, o alemão Nico Rosberg (Mercedes) disse que sua equipe conseguiu fazer melhorias no carro mesmo com o cancelamento do treino da véspera devido ao mau tempo.

“Segunda e terça-feira foram dois dias longos na espera por um clima melhor, e hoje era um dia muito importante, já que agora só há quatro dias de testes durante toda a temporada. Por sorte, a pista foi consistente, e pudemos testar muitas coisas diferentes”, comentou Rosberg.

Estavam programados duas sessões de treinos em Spielberg, mas a de terça-feira foi cancelada por conta da forte chuva que caiu na cidade.

O piloto de 29 anos, que no último domingo venceu o Grande Prêmio da Áustria, no mesmo circuito, deu 117 voltas nesta quarta, a melhor delas em 1min09s113. Ele foi 0s818 mais rápido que o mexicano Esteban Gutiérrez, segundo colocado pela Ferrari.

“Tivemos um problema com a caixa de câmbio pouco antes do almoço, mas felizmente não nos custou tempo algum, já que pudemos trabalhar nisso durante a pausa, e os caras fizeram um trabalho estupendo para voltarmos à pista o mais rápido possível. Estou muito agradecido por isso”, comentou o atual vice-campeão da F-1.

“Foi um programa intenso, mas o completamos e aprendemos muito. Arrancamos com trabalho aerodinâmico, depois empregamos algum tempo olhando coisas de pneus e alguns assuntos mecânicos como ajustes experimentais”, completou.

Em segundo lugar no Mundial, com dez pontos a menos que o líder, seu companheiro de equipe, o britânico Lewis Hamilton, Rosberg revelou que a Mercedes aproveitou o teste para fazer experiências pensando na próxima prova do calendário, o GP da Grã-Bretanha, daqui a dez dias.

“Também rodamos com uma configuração rígida como preparação para Silverstone, algo que será útil para a semana que vem. O carro vai bem com isso, e estou convencido de que seremos fortes na próxima corrida”, comentou o alemão, que destacou que as características do circuito de Silverstone favorecem a atual campeã de construtores.

“É uma pista muito rápida e temos que pilotar com firmeza. Mas esse tipo de características, com curvas de alta velocidade e alta carga aerodinâmica, é uma das especialidades de nosso carro. Portanto, estou otimista”, finalizou.