Após bom início no São Paulo, Michel Bastos garante: “posso render ainda mais”

  • Por Jovem Pan
  • 14/01/2015 10h33

Camisa 7 foi titular em 21 das 27 partidas que fez no Tricolor

Após bom início no São Paulo

O meia Michel Bastos foi uma das gratas surpresas no time do São Paulo na última temporada. Recebido com certa desconfiança pela torcida são-paulina e por grande parte da imprensa, o jogador mostrou em campo que todos podem confiar em seu futebol.Contratado em agosto após passagem pela Roma-ITA, o versátil atleta não demorou muito para ser titular. Em 27 partidas, eles iniciou 21 e macou quatro gols, contribuindo com outras oito assistências.

Agora podendo pegar a temporada desde o começo, Bastos diz esperar render ainda mais, principalmente no meio de campo, após a saída de Kaká para o Orlando City. Sem a presença do ídolo do Morumbi, o camisa 7 deve ter a responsabilidade de garantir que a qualidade no setor seja mantida.

“Fiquei feliz com os números do ano passado. A temporada 2014 foi proveitosa e consegui meu espaço no time. Mostrei que vim para jogar e ajudar o São Paulo. Então, este ano, quero seguir mostrando que posso render ainda mais e dar conta do recado. Tenho trabalho forte para ser um dos homens no meio de campo e espero poder fazer tudo certo”, afirmou.

Totalmente entrosado e familiarizado com o clube e todo o elenco comandado por Muricy Ramalho,o já veterano de 31 anos tem certeza que terá uma temporada ainda melhor do que a de 2014, quando ajudou o Tricolor a chegar na semifinal da Copa Sul-Americana e garantir o vice-campeonato brasileiro.

“É sempre bom pegar um trabalho do início. Já estou habituado ao clube, aos jogadores e me sinto bem aqui. Mas, com a preparação ideal, tenho certeza de que o ano será ainda melhor, porque a preparação é importante para adquirir a forma ideal”, falou.

Com os trabalhos intensos para a estreia no Campeonato Paulista, que terá início no próximo dia 1º, o polivalente elogiou a disposição de seus companheiros para poder estrear bem na competição, visando a Libertadores da América, que também já terá seu pontapé inicial no dia 18 de fevereiro.

“Os treinos são fortes. Mesmo com sol e calor, que dificultam um pouco, a gente tem trabalhado bastante. E o mais legal nisso tudo é ver os seus companheiros correndo, se esforçando e não medindo esforços para dar o máximo nos exercícios. Tem sido muito proveitoso e espero que continue assim”, completou.