Após confirmação de sua saída, goleiro Julio César deixa carta de despedida

  • Por Jovem Pan
  • 10/07/2014 16h37

O goleiro Júlio Cesar se despediu do Corinthians e agradeceu muito ao clube pelas oportunidades

Goleiro Júlio Cesar

O goleiro Júlio Cesar não é mais jogador do Corinthians. Na última quarta-feira (9), o clube de Parque São Jorge anunciou a saída do arqueiro, que permaneceu 11 anos no Timão. Ao todo, ele conquistou nove títulos, entre eles o pentacampeonato brasileiro em 2011, a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes de 2012, e a Recopa Sul-Americana de 2013.

Ainda não foi anunciado oficialmente qual será o destino do goleiro, mas ele deve defender o Náutico, por empréstimo, até o final desta temporada.

Além das conquistas, Júlio Cesar também colecionou algumas falhas que marcaram sua carreira. Nas quartas de final do Campeonato Paulista de 2012, o goleiro do Corinthians falhou em dois gols da Ponte Preta e o time de Campinas acabou se classificando ao vencer por 3 a 2.

Por conta dessas e outras falhas, Júlio Cesar acabou perdendo espaço no elenco, sobretudo para Cassio e Walter, e atualmente era a quarta opção do Corinthians para o gol.

Nesta quinta-feira (10), um dia depois da oficialização de sua saída, o goleiro deixou uma carta de agradecimento ao Corinthians: “Se não fosse esse clube na minha vida, tenho certeza de que não teria chegado onde cheguei. Saio do Corinthians, mas o Corinthians não sai e nunca sairá de mim”.

Confira, na íntegra, a carta de despedida do goleiro Júlio Cesar:

Queria agradecer o carinho de todos torcedores, jogadores, integrantes de todas comissões técnicas que já trabalhei, diretores, enfim, cada um que contribuiu e viveu comigo aqui no Corinthians.

Foram momentos maravilhosos, de muita luta, batalha, conquistas que somam onze títulos e muito aprendizado. Choro de alegria, de tristeza, dedo quebrado, suor, sangue. Cheguei menino e hoje saio um homem experiente.

Se não fosse esse clube na minha vida, tenho certeza de que não teria chegado onde cheguei. Saio do Corinthians, mas o Corinthians não sai e nunca sairá de mim.

O respeito e carinho que tenho por esse clube jamais acabará. Poderia escrever o dia todo e não conseguiria expressar toda minha gratidão. Por isso, fica o meu MUITO OBRIGADO, OBRIGADO, OBRIGADO E OBRIGADO.

Se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi.