Após decretar falência, Parma coloca todos os troféus a leilão

  • Por Agência EFE
  • 13/08/2015 15h38

O Parma surpreendeu e EFE Parma comemora vitória sobre a Juventus

O Parma colocou a leilão todos os troféus já conquistados pelo clube, medida adotada para obter liquidez depois de decretar falência em junho, segundo informou nesta quinta-feira o jornal italiano “Gazzetta dello Sport”.

Entre os troféus que a torcida pode comprar estão os da Copa da Itália de 1992, da Recopa Europeia de 1993, da Supercopa da Europa de 1994, os dois da Copa da Uefa (atual Liga Europa) de 1995 e 1999, e os dois da Supercopa da Itália de 1999 e de 2002. Os interessados em adquirir alguma taça terão um mês para apresentar suas propostas.

O clube, que na temporada passada disputou a primeira divisão do Campeonato Italiano, atravessa um de seus momentos mais difíceis da história.

Um dos times mais emblemáticos e vencedores do futebol na Itália, o Parma viveu uma situação econômica dramática nos últimos meses que inclusive o impediu de abrir o estádio algumas vezes devido ao temor de corte de energia elétrica.

O clube declarou falência em junho e, meses antes, em março, foi decretada a detenção do presidente e proprietário, Giampietro Manenti, acusado de lavagem de dinheiro.

A Federação Italiana de Futebol aceitou recentemente que o Parma jogue a próxima temporada na quarta divisão do Campeonato Italiano, uma categoria amadora, sob o nome “Parma Calcio 1913”.