Após derrotas no Eurobasket, Pau Gasol admite queda da seleção espanhola

  • Por Agencia EFE
  • 09/09/2015 13h01

Berlim, 9 set (EFE).- O pivô Pau Gasol mostrou pessimismo nesta quarta-feira com o desempenho da seleção espanhola no Eurobasket, o Campeonato Europeu de Basquete, depois de duas derrotas em três partidas, admitindo que a qualidade do elenco não é semelhante a de campanhas passadas.

“Temos que ser conscientes de que não é um grupo com o mesmo talento do que em anos passados. Daí, há a necessidade de darmos tudo e de jogar com intensidade, concentratação, disciplina e espírito de equipe enorme para nos superarmos neste momento, que é difícil”, disse o atleta do Chicago Bulls.

Integrante do grupo B, os campeões do Eurobasket em 2009 e 2011, e do Campeonato Mundial em 2006, estreou com derrota para a Sérvia por 80 a 70, venceu em seguida a Turquia por 104 a 77 e voltou a cair, em seguida, para a Itália por 105 a 98.

“Não é agradável perder um jogo como o de ontem, contra a Itália. A cabeça dá mais voltas do que o normal, mas ao mesmo tempo você tenta virar a página para te estabilizar no jogo desta quarta-feira (contra a Islândia). Estamos em uma posição que não podemos nos permitir errar”, disse Pau Gasol.

O pivô, no entanto, lembrou que a Espanha passou pela mesma situação no Eurobasket de 2009 e nos Jogos Olímpicos de 2012, em que houve duas derrotas na primeira fase, seguidas de reação, no primeiro caso conquistando o título e, no segundo, arrebatando a medalha de prata. EFE

moli/bg