Após nova vitória, Valentim destaca Lúcio: “Espírito guerreiro e campeão”

  • Por Jovem Pan
  • 23/05/2014 08h07
ARARAQUARA, SP, 22.05.2014: BRASILEIRO/PALMEIRAS x FIGUEIRENSE - Lucio - Partida entre Palmeiras x Figueirense, válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol 2014, no Estádio Doutor Adhemar de Barros (Fonte Luminosa), nesta quinta-feira (22), em Araraquara. (Foto: Thiago Calil/Photo Press/Folhapress)Palmeiras supera Figueirense e vence quarta consecutiva

Encostado no São Paulo durante todo semestre do último ano, Lúcio rescindiu seu contrato com o clube tricolor no início desta temporada e acertou vinculo com Palmeiras ainda sob desconfiança sobre seu potencial atual. Titular absoluto da equipe alviverde desde sua chegada, o defensor foi exaltado pelo treinador interino Alberto Valentim, que não poupou elogios ao atleta após o triunfo por 1 a 0 sobre o Figueirense, nesta quinta-feira, na Fonte Luminosa.

“Quem conhece o Lúcio, que acompanha o trabalho diário, sabe que esse cara fez a carreira que fez porque não gosta de perder nem rachão. Seja valendo 20 flexões ou uma aposta, ele não quer perder. Ele é muito competitivo e jamais quer ser derrotado. Serve de exemplo para nós, que temos que aprender com pessoas vitoriosas assim. Brinco que temos que ‘sugar” esse espirito guerreiro e de campeão”, afirmou o técnico.

Contratado pelo Palmeiras em janeiro deste ano, o experiente zagueiro, de 36 anos, disputou 25 partidas, sendo todas como titular, recebeu quatro cartões amarelos e marcou um gol. No triunfou por 1 a 0 sobre o time catarinense, Lúcio falhou em algumas tentativas de saída de bola, mas mostrou solidez na marcação e auxilio no desempenho de seu companheiro de zaga, Marcelo Oliveira.

No setor ofensivo, por sua vez, a equipe alviverde encontrou grandes dificuldades para superar o sistema de marcação adversário. Mais uma vez sem poder contar com o meio-campista Jorge Valdivia e o atacante Leandro, que estão com as seleções de Chile e Brasil (sub-21), respectivamente, o time mandante balançou as redes apenas com o centroavante Henrique, aos 37 minutos do primeiro tempo.

“Tivemos dificuldades em finalizar, pois eles estavam muito fechados. Nossa proposta era de trabalhar a bola em velocidade, mas tivemos poucas chances porque nosso adversário soube se defender”, encerrou o treinador interino, que durante a pausa para Copa do Mundo dará lugar ao argentino Ricardo Gareca.

Com o resultado obtido na noite desta quinta-feira, o Palmeiras subiu para quarta colocação na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, com 12 pontos. Atual campeão, o Cruzeiro é quem lidera o torneio, com 13 pontos. No próximo domingo, às 18h30 (de Brasília), o time alviverde volta a entrar em campo para enfrentar a Chapecoense, na Arena Condá, em partida válida pela sétima rodada da competição nacional.