Após polêmica com Pato, Gil é chamado de macaco em rede social

  • Por Jovem Pan
  • 23/09/2014 13h35
Gil publica imagem contra racismo no Instagram

O zagueiro Gil foi alvo de ofensas de cunho racista em sua página oficial do Instagram nesta terça-feira (23). O corintiano foi chamado de “macaco de merda” por um usuário da rede social. O episódio acontece dois dias depois da polêmica entre o atleta e Alexandre Pato.

Depois do clássico entre Corinthians e São Paulo, o zagueiro Gil comemorou a vitória por 3 a 2 no Instagram e comentou em uma foto de Alexandre Pato, que pertence ao Corinthians, mas atua pelo São Paulo no momento: “Chupa, Pato. Aqui é Corinthians, mano”. Logo em seguida, o volante são-paulino Souza rebateu o zagueiro: “Não se esqueça, Gil, que ainda estão a dois pontos da gente. Relaxa e respeita o moleque. Ele não falou nada contigo. Parece torcedor”.

Logo depois da resposta do atleta Tricolor e da grande repercussão causada, Gil apagou o comentário e postou uma mensagem se explicando que havia se tratado apenas de uma brincadeira com um amigo. Pato e Gil atuaram juntos no Corinthians durante o ano inteiro de 2013.

Esse é o segundo caso de racismo com jogadores do clubes grandes da Série A do futebol brasileiro em menos de um mês. No dia 28 de agosto, o goleiro santista Aranha foi alvo de ofensas racistas por alguns torcedores do Grêmio, em partida realizada em Porto Alegre.

Minutos depois da ofensa, o zagueiro publicou uma foto na qual aparece com uma camisa da campanha do Corinthians contra o racismo, recebendo, imediatamente, apoio de diversos torcedores.