Após show de Messi, Barça e Bayern definem 1º finalista da Champions

  • Por Agencia EFE
  • 14/05/2015 16h05

Munique/Barcelona, 11 mai (EFE).- O Barcelona entrará em campo nesta terça-feira, às 15h45 (horário de Brasília), para encarar o Bayern de Munique e tentar confirmar a vantagem obtida na ida das semifinais da Liga dos Campeões da Europa, em que venceu por 3 a 0, de maneira categórica no estádio Camp Nou.

“Final antecipada”, “duelo de favoritos”, estes adjetivos ficaram para trás depois do show comandado pelo argentino Lionel Messi. Os primeiros 45 minutos foram de equilíbrio, mas na etapa complementar o camisa 10 brilhou, derrubando não só o zagueiro alemão Jérome Boateng, mas toda a intenção do técnico Josep Guardiola de voltar para a Alemanha com bom resultado.

Messi marcou duas vezes no jogo e ainda deu passe para Neymar balançar a rede e fechar a conta. Com o placar elástico, o Barça pode perder por três gols de diferença que se classificará, com exceção, é claro, se levar de volta o placar de 3 a 0, que obrigaria a disputa de mais 30 minutos de prorrogação, pelo menos.

O conforto obtido na ida permite que o técnico Luis Enrique e seus comandados se preocupem menos com o tabu de nunca ter vencido partida em Munique por competição continental, em quatro visitas. O único problema é que a última derrota, dois anos atrás, foi justamente para o Bayern por 4 a 0, resultado que eliminaria a equipe.

Depois da vitória na partida da semana passada, o que parecia improvável aconteceu, com o clima ficando ainda melhor, graças a vitória sobre a Real Sociedad, pelo Campeonato Espanhol, e o empate do Real Madrid com o Valencia, que praticamente assegurou o título espanhol para o clube catalão.

O Barça agora está com 90 pontos, contra 86 do maior rival, faltando duas rodadas para o fim da competição. No próximo domingo, o time poderá garantir o troféu com uma vitória simples sobre o Atlético de Madrid, no estádio Vicente Calderón.

Para o compromisso desta quarta na Allianz Arena, Luis Enrique deverá repetir a formação do jogo de ida. A única novidade entre os relacionados deverá ser o zagueiro francês Jéremy Mathieu, que está recuperado de lesão. Além do retorno de Marc-André ter Stegen ao gol, Jordi Alba, Sergio Busquets, Andrés Iniesta e Ivan Rakitic, deverão voltar ao time titular após terem sido poupados no sábado.

O Bayern de Munique buscará nesta terça-feira um 4 a 0 – no mínimo -, bem diferente do que obteve duas temporadas atrás, em que foi campeão. Naquela ocasião, se tratava de um jogo de ida, que praticamente decretou o fim da eliminatória, e ainda por cima, o Barça convivia com diversos jogadores com problemas físicos, entre eles, Messi.

Agora, é time alemão que luta para recuperar jogadores, mas nenhum dos que foram desfalque na semana passada deverão voltar. O volante espanhol Javi Martínez, que vem ficando no banco, é um que pode reaparecer, apesar de as chances serem pequenas. David Alaba, Arjen Robben e Franck Ribéry, ficarão de fora outra vez.

O goleiro Manuel Neuer e o meia Thiago Alcântara foram motivo de preocupação nesta segunda-feira, quando realizaram trabalho específico no centro de treinamento do clube. Nenhum dos dois, no entanto, chega a ser dúvida para a volta da semifinal.

Os comandados de Josep Guardiola precisarão reverter a série negativa – e incomum – de derrotas, já que são três partidas seguidas com resultados negativos. Antes disso, o Bayern ainda empatou com o Borussia Dortmund, perdeu nos pênaltis e foi eliminado da Copa da Alemanha.

Na escalação, a equipe de Munique não deverá apresentar grande surpresa, repetindo a escalação do jogo da última quarta-feira. A estratégia, no entanto, deve ser mais agressiva, já que o técnico espanhol pediu domínio de posse de bola e mais conclusões a gol, apesar de ter pedido tranquilidade aos jogadores.

O jogo no Allianz Arena definirá o primeiro finalista da Liga dos Campeões da Europa. Quem avançar encarará no dia 6 de junho quem levar a melhor entre Real Madrid e Juventus, que fazem jogo de volta na quarta-feira. Na primeira partida, o time de Turim levou a melhor por 2 a 1.

None

Prováveis escalações.

Bayern de Munique: Neuer; Rafinha, Benatia, Boateng e Bernat; Xabi Alonso, Lahm, Schweinsteiger e Thiago; Müller e Lewandowski. Técnico: Josep Guardiola.

Barcelona: Ter Stegen; Daniel Alves, Piqué, Mascherano e Alba; Busquets, Rakitic e Iniesta; Messi, Suárez e Neymar. Técnico: Luis Enrique.

Árbitro: Mark Clattenburg (Inglaterra), auxiliado pelos compatriotas Simon Beck e Jake Collin.

Estádio: Allianz Arena, em Munique (Alemanha). EFE