Após vitória, Kleina aprova atuação de Valdívia e Bruno César

  • Por Jovem Pan
  • 16/03/2014 13h36
O técnico Gilson Kleina da S.E. Palmeiras durante jogo contra a equipe da A.A. Ponte Preta durante partida válida pela décima quarta rodada do Campeonato Paulista Série A1 no estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu). São Paulo/SP, Brasil - 15/03/2014. Foto: Cesar Greco / FotoarenaKleina aprova dupla Valdívia e Bruno César

Depois da 14ª vitória palmeirense no Campeonato Paulista, o técnico Gilson Kleina elogiou a “tranquilidade” que seu time teve ao virar a partida diante da Ponte Preta no Pacaembu. Ele também aprovou as atuações da dupla Valdívia e Bruno César, que foram os principais articuladores do alviverde e ressaltou a importância de encerrar a fase de grupos do estadual com a melhor campanha no geral.

► Confira a tabela do Campeonato Paulista

Depois de sair perdendo, o Palmeiras teve grande atuação, principalmente no início da etapa final, e manteve sua invencibilidade dentro do Pacaembu. “Ficamos 20 minutos sem ter organização e chegada. Ficamos previsíveis e a marcação da Ponte Preta encaixou. Depois, nós começamos a ter movimentação principalmente com o Bruno César, e aí dificultamos a marcação adversária. Não só o talento e a qualidade, mas a tranquilidade fez a gente virar um jogo difícil”, disse.

Um dos mais elogiados após o triunfo sobre a Macaca foi o recém-chegado meia Bruno César. “Ele e o Valdivia têm condições de jogar juntos. Se conseguirmos um equilíbrio defensivo, ficaremos com quatro jogadores muito inteligentes na frente e com muita movimentação. Trabalharemos para ter esse equilíbrio, mas claro que a cada jogo nós pensaremos de uma forma. Gostei da partida de hoje [sábado], a equipe criou bastante”, analisou.

Com 35 pontos em 14 jogos, o Verdão tenta ser a melhor campanha geral do torneio. Na última rodada, enfrenta o Santos, justamente a outra equipe que pode alcançar o feito na tabela. “A gente quer fazer de tudo para podermos ser o primeiro da classificação geral. Acho muito importante sentir o lado do nosso torcedor. Faz realmente a diferença porque, se vier o tropeço em um momento do jogo, teremos a força maior. Gostaria muito de fazer todas as decisões aqui [no Pacaembu]”, finalizou.

Sem jogos no meio de semana, o elenco palmeirense só se reapresenta nesta terça-feira (18) visando o confronto diante do Peixe no domingo (23).