Árbitro esclarece confusão sobre cartão, e Guerrero poderá enfrentar Colômbia

  • Por Agência EFE
  • 19/06/2015 14h27

O atacante Paolo Guerrero evitou dizer que o Peru está preocupado com Neymar

O atacante Paolo Guerrero durante treino do Peru

O atacante Paolo Guerrero não recebeu cartão amarelo na vitória do Peru sobre a Venezuela e está liberado para enfrentar a Colômbia no próximo domingo, em jogo válido pela última rodada do grupo C da Copa América, esclareceu nesta sexta-feira a Conmebol.

O árbitro da partida, o boliviano Raúl Orosco, afirmou hoje em comunicado divulgado no site da entidade que o cartão mostrado aos 24 minutos do segundo tempo foi, na verdade, para o atacante Claudio Pizarro.

Orosco afirmou que confundiu os nomes dos jogadores ao preencher o relatório oficial da partida, realizada na quinta-feira, em Valparaíso. Dessa forma, Guerrero está livre da punição automática de um jogo gerada pelo acúmulo de cartões amarelos na primeira fase.

O novo atacante do Flamengo já tinha sido punido com um cartão amarelo na derrota para o Brasil por 2 a 1, estreia das equipes no principal torneio de seleções sul-americano.

A partida entre Peru e Colômbia será disputada no Estádio Germán Becker, em Temuco, decisiva para a classificação às quartas de final da Copa América.