Argentina pode ter dois desfalques de última hora para enfrentar o Paraguai

  • Por Agência EFE
  • 12/06/2015 16h25

O lateral Pablo Zabaleta espera que a Argentina aprenda com a estreia difícil da Seleção Brasileira

Pablo Zabaleta

A Argentina voltou a treinar com portões fechados em La Serena, na véspera da partida contra o Paraguai, pela primeira rodada do grupo B da Copa América, em que pode atuar com até dois desfalques de última hora, o lateral-direito Pablo Zabaleta e o volante Lucas Biglia.

Pelo terceiro dia consecutivo, os jornalistas não foram autorizados a entrar no local em que os comandados por Gerardo Martino trabalham. A federação do país (AFA) ainda antecipou que não participará o tradicional reconhecimento do gramado, marcado sempre para um dia antes da partida.

A AFA explicou que os jogadores participaram de treinamento em “campo reduzido”, provavelmente para prepará-los para enfrentar um adversário mais fechado no campo de defesa.

As principais dúvidas de Gerardo Martino para o jogo são as presenças de Zabaleta, que se recupera de pancada no tornozelo direito, e Biglia, com lesão no joelho direito. Ambos têm pouca chance de atuar e deverão ser substituídos por Facundo Roncaglia e Éver Banega, respectivamente.

Nos últimos dias, Romero chegou a ser considerado dúvida para o gol argentino, mas se recuperou de problema no ombro direito e está confirmado para a partida.

A seleção vice-campeã mundial e o Paraguai se enfrentarão neste sábado, às 18h30 (horário de Brasília), em La Serena. Pouco antes, em Antofagasta, Uruguai e Jamaica abrem a disputa do grupo B da competição.