Arouca vê favoritismo corintiano como positivo: “é até bom para a gente”

  • Por Jovem Pan
  • 14/04/2015 19h57

O volante Arouca crê que o favoritismo corintiano antes de clássico é positivo para os palmeirenses

Arouca

O volante Arouca vem se firmando como um dos grandes meio-campistas do elenco palmeirense e, agora, o jogador está completamente focado em chegar à sua sexta decisão consecutiva de Campeonato Paulista. Para isso, o Verdão precisa derrotar o Corinthians, no domingo (19), em plena Arena Corinthians.

“É uma marca positiva. Graças a Deus, eu tive essa felicidade de chegar a mais uma grande semifinal. Sem dúvidas, o segredo é ter foco porque é jogo único. Não tem de entrar desligado de maneira nenhuma, ainda mais se tratando de um clássico. A equipe tem de estar determinada para conseguir a vitória”, disse o volante. “Espero poder chegar a mais uma final neste ano, agora com a camisa do Palmeiras. Começar a minha história no clube com um título seria importantíssimo”, prosseguiu.

Tricampeão paulista com o Santos, em 2010, 2011 e 2012, Arouca crê que o Palmeiras tem qualidade para ficar com o troféu nesta temporada.

“A gente pensa em vitórias sempre, o nosso elenco foi montado para isso. Lógico que um clássico divide responsabilidades, mas faremos de tudo. Trabalharemos durante a semana para entrarmos focados, temos de tudo para conseguir uma vitória e alcançar o objetivo de chegar à final”, falou. “A equipe está crescendo no momento exato, no momento em que tínhamos de crescer. Tivemos dificuldades na primeira fase, mas já estávamos mostrando evolução. Temos as voltas do Valdivia e do Cleiton Xavier, e quem ganha com isso é o Palmeiras, é uma dorzinha de cabeça para o Oswaldo”, completou.

Arouca destaca também a qualidade do Corinthians, mas admite ter ficado satisfeito com o rendimento alviverde no duelo contra o Botafogo-SP.

“Estamos próximos de uma final, mas o jogo será difícil. Jogaremos na casa do adversário, mas com o foco total porque temos elenco e time para chegarmos lá e vencer. Muitos colocam o Corinthians como favorito e isso é até bom para a gente. Trabalharemos sabendo da nossa qualidade, a equipe está evoluindo a cada jogo. Fiquei feliz com o rendimento da equipe contra o Botafogo, é difícil jogar contra uma equipe recuada e que atua no contra-ataque”, observou.