Assessora de Schumacher nega transferência para casa: “notícias infundadas”

  • Por Jovem Pan
  • 03/04/2014 11h22
Internado em estado crítico

Negar boatos tem sido objetivo principal de Sabine Kehm, assessora de Michael Schumacher, desde que o ex-piloto entrou em coma após acidente no final de 2013. Nesta quinta-feira (03), em entrevista ao jornal alemão Bild, ela negou uma possível transferência do alemão para uma espécie de “UTI pessoal”, como veiculado por algumas publicações inglesas no último final de semana.

Ao jornal, Sabine afirma que essas são “notícias absolutamente infundadas” e manteve a versão do último boletim médico divulgado. “A única coisa que eu posso dizer é que há sinais encorajadores”, disse.

De acordo com as publicações inglesas, Corinna Schumacher, mulher do ex-piloto, gastaria 37 milhões de reais para reformar e aparalherar adequadamente uma casa da família na Suiça, transformando-a em uma espécie de “UTI pessoal”. Enquanto está internado na França, a família do alemão tem de percorrer 240 quilômetros de sua casa até o Hospital Universitário de Grenoble.