Atacante argentino Calleri viaja ao Brasil para acertar com o São Paulo

  • Por Agência Estado
  • 25/01/2016 17h08
Jonathan Calleri tem 22 anos e é pretendido por clubes brasileiros para a disputa da Libertadores

O atacante argentino Jonathan Calleri viajou na tarde desta segunda-feira para o Brasil para acertar com o São Paulo. Segundo o pai do jogador, Guillermo Calleri, a negociação com o clube paulista já está concretizada e assim que desembarcar, o reforço vai assinar contrato até o meio do ano com a equipe e ficar à disposição do técnico Edgardo Bauza.

Calleri concedeu entrevista nesta segunda-feira em Buenos Aires antes do embarque no aeroporto. O atacante disse aos jornalistas argentinos que gostaria de continuar na equipe por pelo menos mais seis meses e lamentou ter que deixar o elenco às vésperas da disputa da Copa Libertadores. No ano passado o jogador fez dupla de ataque com Carlos Tevez e foi campeão da Copa Argentina e do Campeonato Argentino.

O argentino foi comprado por um grupo de empresários, que o registrou no Deportivo Maldonado, do Uruguai. O vínculo com o São Paulo irá até o fim de junho, quando o acordo prevê a ida de Calleri para o futebol italiano. 

Segundo o pai do atleta, existe a possibilidade da permanência ser esticada por mais alguns meses caso a equipe paulista chegue às fases decisivas da Copa Libertadores. “Tive que ir jogar no São Paulo, que além de ser um clube grande, queria jogar a Libertadores”, disse Calleri à imprensa argentina no aeroporto.

A vinda do atacante foi um pedido do técnico Edgardo Bauza. O comandante argentino quer uma nova opção no ataque para jogar centralizado, como Alan Kardec. Na semana passada o clube apresentou outro reforço para o setor, Kieza, que veio do Bahia. Outras contratações para a temporada até agora foram o zagueiro Lugano e o lateral-esquerdo Mena.