Atlético de Madrid marca no começo, vence Barça e garante vaga nas semifinais

  • Por Jovem Pan
  • 09/04/2014 17h36
Atlético de Madrid comemora gol da vitória sobre o Barcelona

O Atlético de Madrid garantiu a vaga nas semifinais da Liga dos Campeões depois de quarenta anos ao vencer o Barcelona no Vicente Calderón por 1 a 0, com gol de Keko logo aos cinco minutos. O time da casa ainda colocou três bolas na trave e não sentiu muita pressão do Barcelona, que não viu Messi, Neymar e Iniesta muito inspirados.

O jogo começou eletrizante no Vicente Calderon. Com o empate por 1 a 1 na primeira partida, no Camp Nou, os dois times entraram buscando a vitória, mas foi o Atlético quem teve as melhores chances. Logo aos quatro minutos o time da casa acertou o travessão, com Adrián Lopez, que substitui Diego Costa. Na sequência, a bola sobrou para Villa, que cruzou para o próprio atacante tentar novamente de cabeça. No rebote do goleiro, Koke não desperdiçou e de primeira abriu o placar.

O clube de Madrid não recuou com o gol e permaneceu atacando o Barcelona, e aos dez minutos acertou mais uma bola na trave, em um chute de Koke. O hat trick do Atlético de Madrid com a trave foi aos 18 minutos, desta vez com Villa, que da direita acertou uma bomba no travessão de Pinto.

A primeira boa chance do Barcelona surgiu aos 23 minutos, e foi justamente com Neyamr, em uma bela jogada. Ele pegou a bola pela esquerda, deu uma caneta em Tiago e rolou para Messi, que bateu muito próximo do gol. O Barça tentou colocar um pouco de pressão na partida, mas sem colocar muito perigo para Courtois.

Aos 41 o Atlético de Madrid reclamou de pênalti em Adrián Lopez, que disputava bola com Mascherano, mas o juiz mandou seguir. Na jogada seguinte, o Barcelona também pediu pênalti em Fábregas, e de novo a arbitragem mandou seguir o jogo. O fim do primeiro tempo com a vantagem do Atlético de Madrid, 1 a 0.

No segundo tempo Neymar tentou chamar o jogo e logo aos dois minutos teve boa chance, mas Courtois fez a defesa. A bola continuou em bate rebate na área do Atlético de Madrid, que conseguiu tirar para linha de fundo. O Barcelona seguiu pressionando com Alba, duas vezes, mas em uma o juiz marcou toque de mão e na outra a zaga conseguiu afastar.

Aos 19 minutos Diego, que entrou no lugar de Adrián Lopez, fez uma boa jogada e obrigou Pinto a fazer boa defesa. A melhor oportunidade do Atlético foi com Gabi, que chegou sozinho pela esquerda, mas chutou fraco e o goleiro fez a defesa com o pé.

O Barça quase empatou com o brasileiro Neymar, que recebeu cruzamento e de peixinho cabeceou muito próximo ao gol do Atlético. Cristian Rodriguez teve a chance de matar o jogo aos 44, mas Pinto fez boa defesa e não permitiu o dois a zero. Apesar da pressão do Barcelona no segundo tempo, o jogo acabou em 1 a 0, garantindo o Atlético de Madrid nas semifinais da Liga dos Campeões.