“Auditoria já constatou erros no contrato da Arena Corinthians”, revela Strenger

  • Por Jovem Pan
  • 04/01/2017 13h58
Arena Corinthians já está apresentando infiltração em paredes e tetos e já houve até a queda do teto no prédio Oeste

A auditoria contratada pelo Corinthians para investigar supostas irregularidades na Arena de Itaquera já constatou que houve, sim, equívocos quanto ao cumprimento do contrato assinado pelo clube com a Odebrecht para financiar a construção do estádio. Um relatório parcial da auditoria foi apresentado por uma comissão nomeada pelo presidente do Conselho Deliberativo do Corinthians, Guilherme Strenger 

Temos um relatório parcial, apresentado por uma comissão na última reunião do conselho. Ela já constatou alguns equívocos com relação ao cumprimento do contrato“, revelou Strenger, em participação exclusiva no Esporte em Discussão desta quarta-feira, na Rádio Jovem Pan. “E ainda há diversos questionamentos em aberto relacionados também à construção do estádio”, acrescentou. 

Strenger disse que a auditoria deve ser finalizada em janeiro. Além disto, revelou que, daqui a duas semanas, vai nomear uma comissão interna, composta por conselheiros, para voltar a verificar supostas irregularidades na construção da Arena Corinthians. O próprio Guilherme Strenger vai presidir esta segunda auditoria.

“Vou nomear esta comissão interna até o dia 15 de janeiro”, informou o presidente do Conselho Deliberativo do Corinthians. “Ela será composta por conselheiros. Serão escolhidas pessoas especializadas, para que possamos, em uma auditoria interna, esclarecer todas essas dúvidas“, complementou. 

Strenger acredita que o clube alvinegro deve satisfações à população brasileira – já que apelou a um empréstimo de R$ 400 milhões junto ao BNDES para erguer o estádio. 

“Eu acho que o Corinthians tem o dever de esclarecer todas as notícias que saem nos meios de comunicação, para que a sociedade possa saber que o dinheiro investido na construção do estádio foi utilizado de maneira honesta e correta. Até porque usamos um dinheiro do BNDES”, explicou.

Segurança preocupa 

Ainda durante a participação exclusiva no Esporte em Discussão, Guilherme Strenger admitiu que a segurança da Arena Corinthians é algo que, sim, preocupa o clube neste momento.  

O presidente do conselho alvinegro disse que ainda não tem nenhum parecer técnico que comprove riscos aos torcedores que comparecerem ao estádio, mas ressaltou que a obra ainda não foi finalizada pela Odebrecht – os problemas de vazamento e rachadura assustaram o Corinthians no segundo semestre do ano passado.

Todos estes problemas que aconteceram em relação à obra nos preocupam. Não vou afirmar categoricamente, porque não tenho um parecer técnico sobre esta questão, mas diria que, por tudo que ocorreu, há, sim, uma preocupação. Isto é claro. Ainda não posso dizer categoricamente que está colocando em risco a frequência do torcedor no estádio, mas aguardo a constatação dos técnicos para dar uma resposta definitiva“, argumentou.

“Ao meu ver, o estádio ainda não está completamente construído. Faltam várias coisas que devem ser resolvidas com relação à construção. Temos problemas até com relação a uma parte da estrutura“, finalizou.