Autor de gol do título, Mineiro relembra Mundial e diz: “não éramos favoritos”

  • Por Jovem Pan
  • 18/12/2015 12h43
Twitter/Reprodução Mineiro destacou não ter a dimensão da importância do título Mundial em 2005

Nesta sexta-feira (18), o torcedor são-paulino relembra uma das maiores alegrias da história do clube. Há 10 anos, o Tricolor do Morumbi fazia história no Japão, batia o Liverpool por 1 a 0 e sagrava-se Tricampeão Mundial de Clubes. Autor do gol memorável na decisão, o ex-volante Mineiro conversou com exclusividade com o repórter Márcio Spimpolo, da Rádio Jovem Pan e relembrou a conquista. Mineiro destacou a partida espetacular feita por Rogério Ceni diante dos ingleses e destacou que o ídolo tricolor fará muita falta ao clube

“A cada ano que passa, a gente pode entender um pouco mais esse titulo, a dimensão da conquista. Recentemente, na despedida do Rogerio, pude reviver os momentos com muita alegria”, afirmou o ex-jogador que destacou o favoritismo do Liverpool na época que acabou superado pela força tricolor.

“Não éramos favoritos, mas a gente sabia nossa força. Não só individual, mas do grupo. Nós sabíamos por qual caminho alcançaríamos a vitória, e após o gol, pude perceber no olhar de cada jogador a vontade de não deixar escapar a oportunidade de conquistar o título”, recordou Mineiro.

Autor do gol do título no Japão, Mineiro destacou a felicidade de entrar para a história ao balançar as redes do goleiro reina.

“De vez em quando eu, com meus filhos, colocamos o vídeo pra assistir. É um privilegio muito grande, um presente estar naquele momento, fazer o gol, ajudar o São Paulo nessa conquista tão almejada”, afirmou.

Se Mineiro se destacou gol o gol na decisão, Rogério Ceni garantiu a vitória são-paulina com defesas espetaculares diante do Liverpool. O ex-volante comentou a ótima atuação do arqueiro tricolor e destacou que o São Paulo deve ter dificuldades sem Rogério.

“Foi uma das melhores partidas dele. Com certeza, um dos responsáveis diretos na conquista”, disse.

“Não vai ser fácil, é uma referência quando se fala do são Paulo, mas os jogadores, o próprio torcedor já estava se preparando pra isso. Esse momento chegou. Toda mudança geralmente tem receio, medo e dificuldades, mas os ajustes vão acontecer e o são Paulo vai conseguir dar continuidade no trabalho”, completou Mineiro.

Confira o especial do Jovem Pan Online dos 10 anos da conquista do título mundial do São Paulo em 2005