Autoridades brasileiras falam em Toronto sobre organização do Rio 2016

  • Por Agencia EFE
  • 11/07/2015 18h29

Toronto (Canadá), 12 jul (EFE).- Autoridades políticas e esportivas participaram de entrevista coletiva em Toronto, neste sábado, para falar dos Jogos Olímpicos de 2016, garantindo que 55% das instalações esportivas já estão prontas, e que as obras restantes estão no prazo e dentro do orçamento.

Conversaram com jornalistas na sede do Pan e Parapan, George Hilton, ministro dos esportes, Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB e do Rio 2016, Marcelo Pedroso, presidente da Autoridade Pública Olímpica, Joaquim Monteiro de Carvalho, presidente da Empresa Olímpica Municipal e Marco Antônio Cabral, secretário de Esportes do Rio.

“Todas as obras estão dentro do prazo, seguindo o cronograma e dentro do orçamento previsto. Mais da metade dos equipamentos olímpicos estão prontos para os Jogos de 2016”, garantiu Joaquim Monteiro de Carvalho.

O representante da organização garantiu ainda que grande parte da infraestrutura montada para os Jogos também já está existente, em resposta as críticas recebidas pelo Brasil pela organização da Copa do Mundo, realizada no ano passado.

Carlos Arthur Nuzman também falou no sentido de afastar polêmicas semelhantes as existentes por causa da organização da competição de futebol, garantindo que não há preocupações quanto ao destino das instalações construídas e reformadas no Rio de Janeiro .

“Não teremos elefantes brancos”, garantiu o presidente do COB, que ainda destacou a dificuldade de organizar evento poliesportivo da magnitude dos Jogos Olímpicos.

Marco Antônio Cabral, por sua vez, destacou o “grande esforço” do governo estadual para despoluir a Baía de Guanabara, um dos pontos mais polêmicos da organização do evento. O secretário lembrou que, em 2007, apenas 11% das águas residuais eram tratadas antes de chegar ao local, e que agora o percentual aumentou para 50%. EFE

abm/bg