Barça permite reação do Sevilla, empata e vê vantagem no Espanhol diminuir

  • Por Agencia EFE
  • 11/04/2015 18h35
Barça permite reação do Sevilla

Com uma atuação abaixo do normal no segundo tempo, o Barcelona empatou com o Sevilla em 2 a 2 neste sábado no estádio Ramón Sánchez Pizjuán depois de estar vencendo por 2 a 0 e agora vê sua condição de líder do Campeonato Espanhol ameaçada, já que tem apenas dois pontos de frente para o Real Madrid.

Impecável nos primeiros 45 minutos, em que marcou dois gols, o Barça esmoreceu depois do intervalo e permitiu a reação dos donos da casa. Com isso, a equipe catalã foi apenas a 75 pontos, contra 73 do Real, que mais cedo venceu o Eibar por 3 a 0 em Madri.

Já os donos da casa, que brigam para entrar no G4 e ir à próxima Liga dos Campeões, continuam em quinto lugar, com 62 pontos. O Valencia, quarto colocado, também tem 62 e na próxima segunda-feira fechará a 31ª rodada jogando em casa contra o Levante.

Com um futebol sério, sólido e em alguns momentos brilhantes, o Barcelona fez 1 a 0 aos 14 minutos de bola rolando, com Messi. Neymar inverteu da esquerda para a direita até o argentino, que cortou a marcação e bateu colocado no canto direito.

Para coroar uma primeira etapa de gala, em que foi o melhor em campo, Neymar fez o segundo aos 31. O brasileiro sofreu falta a um passo da área, foi para a cobrança e, com categoria, acertou o canto.

Entretanto, ainda antes do intervalo, o Sevilla diminuiu em uma falha do goleiro Bravo. Banega arriscou de muito longe, o chileno demorou a cair, e até encostou na bola, mas a viu bater na trave e entrar.

Na etapa final, o Barça abusou das oportunidades de gol perdidas, e o técnico Luis Enrique ainda quis se dar o luxo de substituir Neymar, que mais uma vez externou toda a sua insatisfação. O time visitante foi caindo cada vez mais de produção, e o castigo veio aos 39, quando Vidal puxou contra-ataque e cruzou por baixo para Gameiro empatar.

As duas equipes agora voltam suas atenções para os jogos de ida das quartas de final de torneios continentais. O Barça irá à França encarar o Paris Saint-Germain pela Liga dos Campeões, e um dia depois o Sevilla receberá o Zenit São Petersburgo pela Liga Europa.