Barcelona apoiará apelo de Suárez à Corte Arbitral do Esporte contra punição

  • Por EFE
  • 12/07/2014 10h35
Suárez chuta forte após lançamento do goleiro para fazer o 2º e selar a vitória uruguaia AFP Suárez chuta forte após lançamento do goleiro para fazer o 2º e selar a vitória uruguaia

O presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, afirmou que o clube catalão apoia a reivindicação do atacante Luis Suárez, que recorrerá à Corte Arbitral do Esporte (CAS) contra a punição imposta pela Fifa devido à mordida no italiano Giogio Chiellini durante a Copa do Mundo.

“Vamos ajudar o jogador e a família para que tenham uma rápida adaptação a Barcelona e à equipe. Ele reconheceu o erro e o Barça vai ajudá-lo a se reintegrar com sucesso ao mundo do futebol com uma vontade enorme de competir e vencer”, disse o mandatário.

Recém-contratado pelo Barcelona, “Luisito” foi punido com nove jogos de suspensão enquanto vestia camisa da seleção uruguaia, uma multa de 100 mil francos suíços (R$ 248 mil) e quatro meses de afastamento de qualquer atividade relacionada ao futebol, o que afetará o clube caso a pena não seja alterada.

A punição ocorreu na partida entre Itália e Uruguai, que classificou os sul-americanos para as oitavas de final após uma vitória por 1 a 0, na terceira rodada da fase de grupos do Mundial. Depois do incidente, o atacante foi julgado pela Fifa e teve que deixar o torneio.

Em declarações à imprensa antes de viajar ao Rio de Janeiro, acompanhado pelo vice-presidente Carles Vilarrubí, pelo diretor esportivo Andoni Zubizarreta e Carles Puyol, que participará da cerimônia de entrega da taça da Copa do Mundo, Bartomeu falou sobre as aquisições do clube.

Segundo o dirigente, as contratações de Suárez, do meia Ivan Rakitic e dos goleiros Ter Stegen e Claudio Bravo não serão as últimas para a temporada. Bartomeu explicou que agora os esforços se realizarão na parte defensiva.

“Cumpriremos os pedidos da comissão técnica, que passará a contar com mais jogadores”, garantiu Bartomeu.

O zagueiro Marquinhos, do Paris Saint-Germain, o lateral-esquerdo Mathieu, do Valencia, e o colombiano Cuadrado, da Fiorentina, são os proximos alvos do clube catalão.

Bartomeu comentou que o mercado de transferências é diferente em ano de Copa do Mundo, pois o desempenho dos jogadores no torneio pode alterar algumas cifras. Após uma temporada sem títulos, o dirigente afirma que está disposto a reformular o elenco do clube catalão.

“Muitas equipes estão aguardando para vender e para contratar. Todos esperam que seus jogadores sejam valorizados no Brasil. Estamos reformulando, como havíamos prometido. Zubizarreta e Luis Enrique estão trabalhando para formar uma equipe que aspire a tudo. Estamos em boas mãos”, analisou.