Bauza culpa parte física por fracasso tricolor e elogia Audax: “futebol bonito”

  • Por Jovem Pan
  • 18/04/2016 08h38
Bauza afirmou que desgaste física prejudicou o desempenho são-paulino diante do Audax

O cansaço diante de um adversário qualificado: essa é a justificativa do treinador Edgardo Bauza que tentou explicar a eliminação do São Paulo nas quartas de final do Campeonato Paulista. Após a derrota vexatória por 4 a 1 diante do Audax, Patón pediu desculpas aos torcedores tricolores e afirmou que o desgaste físico foi determinante para o fracasso de seu time.

“À torcida não se pode dizer nada, há que pedir desculpas por essa partida. Viemos com intenção de fazer uma boa partida, mas não pudemos dar a eles o resultado. Agora temos de pensar em La Paz e tratar de classificar”, disse o comandante.

“Fisicamente caímos no segundo tempo. Não pudemos encarar. Com as mudanças, a equipe se tornou ofensiva, mas não deu. Lamentavelmente não pudemos sustentar o nível físico do primeiro tempo”, analisou Bauza.

Questionado se vê o time do Audax melhor que o Tricolor, Bauza afirmou que v ê o time de Osasco no mesmo nível de sua equipe, e rasgou elogios ao treinador Fernando Diniz e seus jogadores.

“Melhor tecnicamente? Não vejo assim. É muito parelho. Tecnicamente, o Audax é muito bom, muito dotado”, disse.

“Enfrentamos um rival muito, muito bom. Parabenizo o técnico e os jogadores por terem esse esquema e, mesmo sendo rival, por apresentarem um futebol tão bonito de se ver”, completou Patón.