Bellucci sobe 12 posições e se aproxima do Top 50 após ser vice em Houston

  • Por Estadão Conteúdo
  • 17/04/2017 10h30

Thomaz Bellucci foi vice-campeão do ATP de Houston

Thomaz Bellucci foi vice-campeão do ATP de Houston

A boa participação no Torneio de Houston, um ATP 250, rendeu a Thomaz Bellucci uma ascensão no ranking mundial do tênis, atualizado nesta segunda-feira. Vice-campeão do evento norte-americano, encerrado no último domingo, o brasileiro ganhou 12 posições e agora ocupa o 53º lugar, com 876 pontos. 

Na última semana, Bellucci ganhou quatro partidas em Houston e só parou na decisão, quando perdeu para o norte-americano Steve Johnson em uma final definida em três sets. Assim, o brasileiro se aproximou do Top 50 do ranking com essa campanha nos Estados Unidos. 

Enquanto Bellucci se destacou em Houston, os outros dois brasileiros que atuaram no ATP 250 norte-americano foram bem mais discretos. Rogério Dutra Silva perdeu logo no seu jogo de estreia e caiu uma posição, para o 70º lugar. Já Thiago Monteiro perdeu nas oitavas de final e ascendeu um posto, passando a ser o número 80 do mundo. 

O ranking continua segundo liderado pelo britânico Andy Murray, com 11.600 pontos, seguido pelo sérvio Novak Djokovic, com 7 905, e pelos suíços Stan Wawrinka e Roger Federer. Já o espanhol Rafael Nadal, com o descarte dos pontos relativos ao título do Masters 1000 de Montecarlo em 2016, caiu do quinto para o sétimo lugar. 

O japonês Kei Nishikori fez caminho inverso, ascendendo da sétima para a quinta posição, sendo seguido pelo canadense Milos Raonic. E o Top 10 do ranking é completado, em ordem, pelo croata Marin Cilic, pelo austríaco Dominic Thiem e pelo francês Jo-Wilfried Tsonga. 

Algoz de Bellucci no último domingo e campeão em Houston, Steve Johnson ganhou quatro posições no ranking e se tornou o número 25 do mundo. Já o croata Borna Coric levou a taça do Torneio de Marrakesh e subiu do 79º para o 49º lugar no ranking. 

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1º – Andy Murray (GBR) – 11.600 pontos
2º – Novak Djokovic (SER) – 7.905
3º – Stan Wawrinka (SUI) – 5.605
4º – Roger Federer (SUI) – 5.125
5º – Kei Nishikori (JAP) – 4.310
6º – Milos Raonic (CAN) – 4.165
7º – Rafael Nadal (ESP) – 3.735b
8º – Marin Cilic (CRO) – 3.385
9º – Dominic Thiem (AUT) – 3.385
10º – Jo-Wilfried Tsonga (FRA) – 2.905
11º – Grigor Dimitrov (BUL) – 2.880
12º – Tomas Berdych (RCH) – 2.780
13º – David Goffin (BEL) – 2.705
14º – Jack Sock (EUA) – 2.450
15º – Nick Kyrgios (AUS) – 2.425
16º – Gael Monfils (FRA) – 2.410
17º – Lucas Pouille (FRA) – 2.306
18º – Roberto Bautista Agut (ESP) – 2.145
19º – Pablo Carreño Busta (ESP) – 2.025
20º – Alexander Zverev (ALE) – 2.005

53º – Thomaz Bellucci (BRA) – 876
70º – Rogério Dutra Silva (BRA) – 715
80º – Thiago Monteiro (BRA) – 668
136º – João Souza (BRA) – 427