Bolt vence corrida de exibição no Rio, mas fica acima dos 10s

  • Por Agencia EFE
  • 19/04/2015 13h52
Bolt correu e venceu em evento no Rio de Janeiro

O campeão mundial e olímpico Usain Bolt, o homem mais veloz do planeta, levou a melhor mais uma vez no desafio Mano a Mano neste domingo, no Rio de Janeiro, mas com a marca de 10s12, muito longe dos 9s58 que lhe deram a condição de recordista mundial.

Vestido com as cores do Flamengo, o preto e o vermelho, Bolt ficou a 0s08 da marca obtida por ele no ano passado, na mesma competição, embora desta vez com pista molhada.

Em segundo lugar, ficou o americano Ryan Bailey, medalhista de prata no revezamento 4x100m nos Jogos Olímpicos de 2012, em Londres, e o terceiro foi o brasileiro José Carlos Moreira, o Codó, com 10s51. O holandês nascido em Curaçao Churandy Miranda foi o quarto.

O jamaicano, dono de seis ouros olímpicos, lamentou não ter feito um tempo abaixo dos 10s. “Não tive uma boa largada”, comentou o recordista.

O Mano a Mano também teve uma prova feminina dos 100 metros, vencida pela jamaicana Veronica Campbell Brown, dona de três ouros olímpicos, com um tempo de 11s04, seguida pela americana Carmelita Jeter (11s09) e Kerron Stewart (11s30).

Na prova paralímpica, o vencedor foi o homem mais rápido do mundo na categoria T44, o americano Richard Browne, com a marca de 11s04. O brasileiro Alan Fonteles ficou fora devido a um problema na prótese.