CBF consegue mais uma liminar que mantém a Portuguesa na Série B do Brasileiro

  • Por Jovem Pan
  • 11/04/2014 18h58

Torcedores da Portuguesa se unem e pensam em ir à Justiça Comum

Folhapress Torcedores da Portuguesa se unem e pensam em ir à Justiça Comum

A Confederação Brasileira de Futebol conseguiu mais uma vitória nos tribunais nesta sexta-feira (11) e conseguiu uma liminar mantendo a Portuguesa na Série B do Campeonato Brasileiro de 2014 e também mantendo a atual tabela do torneio, que já havia sido divulgada.

A decisão foi proferida pelo juiz Mario Cunha Olinto Filho, da 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca. Por meio da liminar, a CBF é autorizada a realizar o torneio da primeira divisão do futebol nacional com o Fluminense e o Flamengo na tabela e, desta forma, a Portuguesa teria que disputar a Série B.

“Pelo exposto, defiro a liminar, nos termos dos artigos 798, 799 e 804, do CPC, para garantir o direito da autora em realizar os campeonatos das Séries A e B nos termos das tabelas já publicadas pela requerente, em estrita observância das R. decisão proferida pelo STJD”, consta na decisão do juiz.

O juiz Mario Cunha Olinto Filho também lamenta na decisão que “um Campeonato de futebol venha a ser discutido na seara judicial, cabendo a um Juiz de Direito decidir sobre ele” e afirma ser “evidente que, qualquer que seja o desfecho da classificação do famigerado Campeonato, ele desagradará a milhões”.

Com a decisão da 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca, a Portuguesa se vê em situação bastante complicada na briga que trava com a CBF para ter o direito de disputar a Série A do Brasileirão de 2014.

Vale lembrar que, na última quinta-feira (10), a entidade máxima do futebol nacional havia conseguido cassar uma liminar favorável à Portuguesa no Tribunal de Justiça de São Paulo e também, por meio do Superior Tribunal de Justiça, conseguiu levar, ainda que provisoriamente, as decisões de ações relativas ao caso para a Justiça do Rio de Janeiro, nesse caso a 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca. É bom destacar que cabem recursos para todas as ações obtidas até o momento.