Coletiva JP: Feliz com goleada, Oswaldo reconhece dificuldades defensivas

  • Por Jovem Pan
  • 13/05/2015 08h21
O técnico Oswaldo de Oliveira, da SE Palmeiras, em jogo contra a equipe do São Paulo FC, durante partida válida pela décima segunda rodada do Campeonato Paulista, Série A1, na Arena Allianz Parque. São Paulo/SP, Brasil - 25/03/2015. Foto: Cesar Greco / Fotoarena Reprodução Oswaldo de Oliveira durante jogo contra o Corinthians

Pela segunda fase da Copa do Brasil, diante do Sampaio Correa, o Palmeiras tomou um susto, mas conseguiu se classificar. Nesta terça-feira (12), no Allianz Parque, o alviverde saiu perdendo para os maranhenses, porém conseguiu a virada e confirmou a vitória por 5 a 1.

Em entrevista coletiva, o técnico Oswaldo de Oliveira reconheceu as dificuldades encontradas no primeiro tempo, quando a equipe saiu perdendo por 1 a 0. “Realmente o nosso time no primeiro tempo foi muito mal. Até que começou bem, mas depois que levou o gol foi difícil para eles se entenderem”.

O treinador também comentou sobre o relaxamento do segundo período, após a classificação já estar praticamente garantida. “Houve um momento de empolgação após o terceiro gol e eles se esqueceram do equilíbrio que precisamos ter. Copa do Brasil não pode cometer esse tipo de erro. Se você levar os gols, não tem como correr atrás nas próximas rodadas”.

Um dos destaques do bom segundo tempo foi Zé Roberto, que atuou no meio-campo e marcou dois dos cinco gols. Oswaldo falou sobre o posicionamento do camisa 11. “É um jogador que pode jogar na meia, saindo de trás por dentro e pelo lado esquerdo. Toda vez que for necessário, vou movimentar o Zé para a lateral ou meia. Vai ser circunstancial de acordo com o que estivermos precisando”, disse.