Coletiva JP: Muricy elogia atuação e vê derrota em “lance isolado”

  • Por Jovem Pan
  • 01/04/2015 23h34
BUENOS AIRES, ARGENTINA, 01.04.2015: SAN LORENZO-SÃO PAULO - Muricy Ramalho na partida entre San Lorenzo X São Paulo, nesta quarta-feira (1º) no estádio Pedro Bidegain, o Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires na Argentina, válida pela fase de grupos da Copa Libertadores. (Foto: Juani Roncoroni/Brazil Photo Press/Folhapress)Muricy acredita que São Paulo fez boa partida no Nuevo Gasómetro

O São Paulo foi reprovado em novo teste de alto nível nesta temporada ao perder para o San Lorenzo, em Buenos Aires, na noite desta quarta-feira (02) por 1 a 0. Entretanto, mesmo com o resultado negativo, o pressionado técnico Muricy Ramalho preferiu ver o lado positivo na atuação de sua equipe.

“Jogamos bem posicionados. Faltou algo na frente. Saímos daqui de cabeça erguida. O duro é quando você perde com o adversário dominando, mas não foi o caso”, analisou. “Tivemos posse de bola, mas perdemos em um lance isolado”. 

Muricy também deu um puxão de orelhas no atacante Centurión, que entrou no fim do primeiro tempo no lugar do contundido Alan Kardec. “Ele tem o drible, mas ele abaixa a cabeça na hora do último passe. Ele ainda está se adaptando ao nosso futebol. E abaixa demais a cabeça na hora do drible”.

A derrota no Nuevo Gasómetro deixa São Paulo e San Lorenzo empatados no segundo lugar do Grupo 2 da Libertadores – o Tricolor tem vantagem no saldo de gols. Por isso, o treinador pensa de forma positiva na classificação. “As chances são iguais. Sinceramente, o torcedor reconhece que o time jogou bem. A torcida estava impaciente com o futebol de antes, mas hoje brigamos e jogamos”, disse.

Agora, São Paulo e San Lorenzo têm os mesmos jogos pela frente, com a diferença que o Tricolor pega o Danubio fora de casa e o Corinthians no Morumbi, enquanto o time argentino faz o caminho inverso.