Coletiva JP: Osório critica arbitragem e assume responsabilidade por derrota

  • Por Jovem Pan
  • 29/06/2015 08h39
SÃO PAULO, SP - 28.06.2015: PALMEIRAS X SÃO PAULO - Juan Carlos Osório do São Paulo durante partida entre Palmeiras x São Paulo, jogo válido pela nona rodada do Campeonato Brasileiro 2015 realizada no Estádio Allianz Parque. (Foto: Maurício Rummens /Fotoarena/Folhapress) ORG XMIT: 947167Veja imagens de Palmeiras e São Paulo no Allianz Parque

Após a goleada por 4 a 0 para o Palmeiras, no clássico disputado no Allianz Parque, neste domingo (28), o treinador são-paulino, Juan Carlos Osório assumiu a responsabilidade pelo mau desempenho tricolor, especialmente no segundo tempo. O comandante fez duras criticas a arbitragem por sua expulsão no intervalo e pediu desculpas aos são-paulinos.

“Primeiro: assumo a derrota de hoje. Quero pedir desculpas a nossa torcida porque não há quatro gols de diferença entre Palmeiras e São Paulo. Quero pedir desculpas a Milton por ter deixado sozinho com minha expulsão”, disse Osório, que acabou excluído da partida depois após reclamação com o árbitro da partida, Anderson Daronco, no intervalo do jogo.

“Não pude me conter de fazer uma reclamação formal e educada ao árbitro. Trabalhei nos EUA e na Inglaterra, países que respeitam o ser humano e permitem falar com o árbitro. Não sabia que no Brasil os árbitros eram intocáveis. Pensei que as figuras eram os jogadores e não os árbitros. Em nenhum momento fui mal educado com ele. Falei que havia sido injusto o cartão de Bruno”, completou o comandante tricolor.

Osório explicou a montagem da equipe, destacou o papel de Alexandre Pato na partida e afirmou que viu o São Paulo melhor no primeiro tempo do jogo: “planificamos a partida pensando que Lucas vai bem ofensivamente. Hoje, Lucas não fez nenhum cruzamento porque o seguramos com Alexandre Pato. No primeiro tempo, tivemos 68% de posse de bola contra 38% deles. Fomos superiores, mas não concretizamos em gol. E no segundo tempo, uma partida totalmente diferente e assumo a responsabilidade”, afirmou.

Em sua quarta partida no Brasileiro, Osório conheceu a primeira derrota comandando o São Paulo. Ao comentar a decepção dos jogadores após a goleada, o colombiano afirmou que o revés afetou o ânimo do elenco são-paulino, mas que isso é algo natural: “é impossível dizer que não afeta. Mas essa reação é o que espero deu uma equipe que perde por esse placar. Nossa responsabilidade é trabalhar e subir o ânimo da equipe e melhorar”, destacou o treinador.