Com cesta de três de Durant, Warriors vencem e ficam a um triunfo do título

  • Por Estadão Conteúdo
  • 08/06/2017 09h22

Kevin Durant virou o jogo para os Warriors faltando 45 segundos para o fim

Kevin Durant virou o jogo para os Warriors faltando 45 segundos para o fim

Contratado com a missão de liderar o Golden State Warriors nesta temporada, Kevin Durant não decepcionou. Ele acertou um arremesso decisivo na noite de quarta-feira e deixou o seu time a um passo da “varrida”, da vingança, de uma pós-temporada perfeita e do título da NBA.

Durant acertou um arremesso de três a 45s3 do final e totalizou 31 pontos na vitória do Warriors por 118 a 113 sobre o atual campeão Cleveland Cavaliers, fora de casa, abrindo vantagem de 3 a 0 na decisão da NBA. 

“Tudo o que eu buscava é que a bola entrasse”, disse Durant. “Eu trabalhei toda a minha vida por esse arremesso. Quando vi que entrei, me senti livre. Nos falta uma partida”. 

Os Warriors estavam em desvantagem de seis pontos quando faltavam três minutos. Foi, então, quando Durant, que trocou o Oklahoma City Thunder para ajudar os Warriors a darem o passo que faltou na final do ano passado, tomou o controle da situação. Ele anotou 14 pontos no último quarto. 

“Ele assumiu”, disse o técnico dos Warriors, Steve Kerr. “Você pode adivinhar que ele sabia que este era o seu momento. Tem sido um jogador fantástico na liga por um longo tempo, mas ele sente que esta é a sua oportunidade, o seu momento e sua equipe “

Com a 15ª vitória consecutiva na pós-temporada, os Warriors ostentam a melhor sequência da história nas quatro principais ligas dos Estados Unidos. E se ganhar o quarto jogo, marcado para sexta-feira em Cleveland, exorcizará os demônios do ano passado, quando desperdiçou uma vantagem de 3 a 1 na final contra o Cavaliers, que tentará se tornar a primeira equipe a reverter uma vantagem de 3 a 0. 

Klay Thompson marcou 30 pontos e Stephen Curry somou 26 pelo time da Califórnia, agora a um passo de conquistar o seu segundo título em três anos. LeBron James superou um duro golpe no queixo para marcar 39 pontos, enquanto Kyrie Irving acrescentou 38 para Cleveland, que assumiu a liderança por 113 a 107 com 3min09 para o fim, com um arremesso de três de J.R. Smith. 

Depois disso, Curry converteu uma bandeja, enquanto LeBron e Irving falharam pelos Cavaliers. Durant, então fez uma cesta, seguida pelo erro de Kyle Korver em um arremesso de três. Aí, com o placar em 113 a 111 para os Cavs, Durant converteu o disparo de três que será lembrado como um dos grandes momentos dos playoffs desta temporada. 

Com os Warriors liderando por 114 a 113, Irving errou um arremesso de três pelos Cavaliers. E o time de Oakland sacramentou a sua vitória ao converter quatro tiros livres nos últimos 12s9, assegurando o triunfo por 118 a 113. 

Assim, após vencer os dois primeiros jogos com uma diferença total combinada de 41 pontos como mandante, os Warriors tiveram que lutar durante 48 minutos para vencer em Cleveland. Batido, os Cavaliers terão que encontrar forças para evitar a “varrida” por uma equipe sem debilidades claras. 

“Eu acho que a nossa equipe competiu e se esforçou”, disse o técnico Tyronn Lue. “Eu não posso ficar decepcionado com este esforço, mas eles fizeram as jogadas na reta final e nós não executamos bem no ataque e na defesa. Eles se aproveitaram”, conclui o comandante dos Cavaliers.