Com dois de Vítor Bueno, Santos se impõe ao São Bento e vai à semi do Paulista

  • Por Jovem Pan
  • 16/04/2016 20h26
SP - PAULISTÃO/SANTOS E SÃO BENTO - ESPORTES - O jogador Vitor Bueno do Santos comemora gol durante a partida entre Santos SP e São Bento SP válida pelo Campeonato Paulista 2016 no Estádio Vila Belmiro em Santos (SP), neste sábado (16). 16/04/2016 - Foto: LUCAS BAPTISTA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOVítor Bueno foi decisivo para o Peixe ao marcar os dois gols da vitória

Dono da segunda melhor campanha na primeir fase do Campeonato Paulista, o Santos recebeu o São Bento, o melhor entre os segundos colocados, pelas quartas de final neste sábado (16). Mesmo diante de um adversário qualificado, o Peixe fez valer seu retrospecto quase perfeito na Vila Belmiro e, em grande noite de Vítor Bueno, venceu por 2 a 0 uma partida de ritmo forte e cheia de alternativas.

Usando a força de seu alçapão, o Santos começou o jogo em alta velocidade, o que animou a torcida logo de cara. A animação virou comemoração aos 8 minutos, quando Vítor Bueno dominou pela direita e passou para Gabriel, que devolveu de calcanhar para o meia bater de bico, cheio de categoria, e abrir o placar com um golaço.

Mesmo com a vantagem, o Peixe seguiu buscando o ataque e somente por volta dos 30 minutos é que o São Bento conseguiu chegar com perigo. Primeiro, João Paulo completou cruzamento de Fábio Bahia e quase empatou. Depois, Clébson arriscou da entrada da área e mandou a bola perto do travessão. A resposta santista foi contundente: Ricardo Oliveira driblou a marcação, invadiu a área pelo lado esquerdo e cruzou para Gabriel, que, na boca do gol, parou em grande intervenção do goleiro Henal.

Os últimos minutos do primeiro tempo foram de blitz do time da casa, com chegadas perigosas de Ricardo Oliveira, Renato e Thiago Maia. Para sair, o segundo gol precisava do mesmo autor daquele que marcou o primeiro. Ricardo Oliveira recebeu de Gabriel pelo lado esquerdo e cruzou rasteiro para Vítor Bueno, livre na segunda trave, completar para as redes. Gabriel chegou a repetir o feito, mas foi pego em impedimento ao aproveitar rebote na área.

O jogo seguiu em ritmo forte na segunda etapa, mas desta vez com o São Bento também atacando. Aos 7 minutos, Régis pegou rebote de defesa de Vanderlei e cruzou fechado, de forma que, sem querer, mandou a bola no travessão santista. Na resposta, Ricardo Oliveira tentou o chute e Vítor Bueno errou o domínio na hora em que tentava aproveitar o lance para concluir a gol.

O time de Sorocaba chegou perto de descontar em cobrança de falta de Régis, que pegou na rede pelo lado de fora. Na sequência, Vítor Bueno entortou a marcação pela esquerda, mas errou na conclusão. Do outro lado, Rossi dominou pela direita e bateu cruzado para boa defesa de Vanderlei. Pouco depois, veio a chance mais clara: Anderson Cavalo recebeu passe longo nas costas da zaga, passou pelo goleiro e finalizou na trave. Já aos 35, Diego Clementino avançou com liberdade pelo lado direito e concluiu mal na saída de Vanderlei, para fora, perdendo outra grande oportunidade de botar fogo no jogo.

Com a derrota, o São Bento de despediu com uma atuação digna de uma boa participação no Campeonato Paulista. Já o Santos chegou novamente à semifinal do torneio e agora espera o vencedor entre Palmeiras e São Bernardo, na segunda-feira, para saber quem será seu adversário.