Com equipe reserva, São Paulo vence o Botafogo-SP com facilidade

  • Por Jovem Pan
  • 23/03/2014 17h59

São Paulo comemora o gol de Lucas EvangelistaCom time reserva

Na última rodada da fase de classificação do Campeonato Paulista, o São Paulo enfrentou o Botafogo-SP, fora de casa, em duelo de pouca importância para as equipes. Com ambos os times classificados e poupando jogadores, os comandados de Muricy Ramalho levaram a melhor, com gols de Lucas Evangelista e Ademílson.

► Confira a tabela do Campeonato Paulista

O São Paulo logo tomou a iniciativa da partida, apostando em jogadas de velocidade pelas laterais, acionando Ademílson pela esquerda. Mesmo assim, quem assustou pela primeira vez foi a equipe do Botafogo-SP.

Aos 3 minutos, em bobeada do zagueiro Lucas Silva, que saiu jogando errado, a bola sobrou para Vitor, que tentou surpreender o goleiro Denis com chute por cobertura que passou por cima do travessão.

A equipe do Morumbi tentava responder, especialmente com cruzamentos na grande área, como cabeçada perigosa de Edson Silva, aos 10 minutos, mas o árbitro apontou falta do zagueiro. No minuto seguinte, o time visitante teve grande chance com Ademílson, que roubou a bola e tentou chute cruzado que passou perto da trave.

O São Paulo continuou pressionando, fazendo com que o Botafogo recuasse todos os seus jogadores para o campo de defesa. Ewandro, João Schimdt e Ademílson trocaram passes com velocidade e mostraram disposição no meio de campo truncado pelo rival.

Aos 25 minutos, o goleiro Denis lançou Wellington, que brigou pela bola e rolou para Ewandro que tentou driblar o arqueiro botafoguense Renan e acabou conseguindo o escanteio.

O ritmo da partida caiu, tendo passes lentos no meio de campo. Isso até aos 42 minutos, quando Ademílson fez cruzamento perfeito para Lucas Evangelista subir mais que a zaga e cabecear balançando a rede para o São Paulo.

O segundo tempo começou truncado e o Botafogo teve sua melhor chance da partida com Camilo, aos 3 minutos da etapa final, em cabeçada que exigiu boa defesa de Denis. A pressão são-paulina logo voltou: aos 17 minutos, Ademílson aproveitou boa jogada de Luis Ricardo e chutou forte na pequena área para grande defesa de Renan. Insistente, o atacante driblou dois adversários e finalizou sem chances para o goleiro.

Com a partida praticamente definida, o São Paulo continuou trocando passes e conseguindo algumas boas chances. Ademílson teve um gol bem anulado aos 26 minutos e Boschilia, que entrou aos 23 minutos, deu boa movimentação à equipe. Reinaldo também arriscou bons chutes de fora da área até o apito final.

Na próxima fase, o São Paulo enfrentará a Penapolense, no Morumbi, na próxima quarta-feira (26). O Botafogo-SP, por sua vez, vai pegar o Ituano.