Com Neymar apagadíssimo, Seleção Brasileira perde para Colômbia por 1 a 0

  • Por Jovem Pan
  • 17/06/2015 23h04

Com atuação muito apagada de NeymarNeymar se lamenta durante partida da Seleção contra a Colômbia

Depois de derrotar o Peru em sua estreia na Copa América por 2 a 1, a Seleção Brasileira voltou a entrar em campo na noite desta quarta-feira (17) para medir forças com a Colômbia, em jogo válido pela segunda rodada do Grupo C, o Brasil novamente não apresentou um bom futebol e, nesta oportunidade, a vitória passou longe. Com Neymar apagado, os comandados do técnico Dunga perderam para a Colômbia pelo placar de 1 a 0 e sofreram a primeira derrota nesta passagem do treinador.

Com o resultado, a Seleção perde para a Colômbia pela primeira vez em 24 anos, estaciona nos três pontos e dorme na segunda colocação. Agora, o Brasil aguarda o jogo entre Peru e Venezuela, nesta quinta, para ver se terminará a rodada entre os dois primeiros colocados da chave. Já os colombianos se recuperam de uma derrota para a Venezuela e somam seus primeiros três pontos no torneio. 

O primeiro tempo não foi nada bom para a Seleção Brasileira. Sem conseguir controlar o meio de campo, os comandados do técnico Dunga criaram muitas poucas chances de gol e quase não assustaram o goleiro Ospina. Já a Colômbia, que foi crescendo na metade final da primeira etapa marcou seu gol aos 35, quando Cuadrado cobrou falta na área, a bola ficou viva e sobrou para Murillo, que bateu firme de canhota, sem chances de defesa para Jefferson: 1 a 0.

A Seleção quase empatou aos 44, quando Daniel Alves cruzou da direita e Neymar cabeceou firme, mas o arqueiro colombiano fez excelente defesa e garantiu a vantagem da Colômbia antes da ida ao vestiário.

O Brasil melhorou no segundo tempo, conseguiu passar mais tempo no campo de ataque, mas tomou alguns sustos como aos cinco minutos, quando Cuadrado fez bonita jogada individual e bateu de canhota de fora da área, com efeito, quase surpreendendo o goleiro Jefferson.

Os brasileiros tiveram chance incrível para empatar aos 13, quando Murillo recuou mal para Ospina, Elias ‘abafou’ o goleiro colombiano e o arqueiro errou o chutão, mas conseguiu se recuperar para evitar finalização de Elias. Na sobra, Firmino, com o gol livre, chutou por cima e perdeu oportunidade inacreditável.

A Seleção foi para cima buscando o empate, mas jogando um futebol de baixíssima qualidade, não conseguiu sequer buscar o empate e perdeu a primeira na ‘era Dunga’.

Após o apito final, os jogadores das duas seleções se desentenderam e tanto Bacca quanto Neymar foram expulso pelo árbitro mesmo sem bola rolando.

Na terceira rodada do Grupo C, a Seleção Brasileira enfrenta a Venezuela, em duelo que será realizado no domingo (21), às 18h30 (de Brasília). Mais cedo, às 16h, a Colômbia mede forças com o Peru.