Com o Brasileirão 2014 correndo risco, os clubes já deveriam pensar em uma liga alternativa?

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2014 10h57

Torcedores da Lusa choram depois da decisão do STJD que culminou no rebaixamento

Torcedores da Portuguesa lamentam decisão do STJD

O caso envolvendo Portuguesa e Fluminense por uma vaga na Série A em 2014 segue indefinido.  Carlos Miguel Aidar, advogado da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no caso, falou de forma exclusiva à Jovem Pan, e admitiu que o Campeonato Brasileiro deste ano corre risco de não-realização ou de possuir mais de 20 times, se não for resolvido até 20 de fevereiro, data máxima de divulgação da tabela do torneio.  Na sua visão, a contestação do julgamento do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) é descabida por parte do Ministério Público de São Paulo (MP-SP)

Com o Brasileirão 2014 correndo risco de não acontecer, os clubes já deveriam pensar em uma liga alternativa?

Acompanhe o debate! Ouça o programa no áudio acima!