Com um golaço de Maicon, São Paulo derrota o Atlético-PR no Morumbi

  • Por Jovem Pan
  • 08/10/2014 21h25
SÃO PAULO, SP – 08.10.2014: SÃO PAULO-ATLÉTICO-PR – Jogadores do São Paulo comemoram gol de Maicon - Partida entre São Paulo e Atlético-PR, válida pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol 2014, realizada no estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi), na zona sul da capital paulista, nesta quarta-feira. (Foto: Maurício Rummens/Fotoarena/Folhapress)Maicon comemora junto com os companheiros o gol da vitória do São Paulo

O São Paulo sofreu, mas conseguiu vencer o Atlético-PR, no Morumbi, nesta quarta-feira, por 1 a 0. O gol de Maicon logo aos 5 minutos de jogo fez com que o clube paulista conquistasse a segunda vitória seguida e assumisse, de forma provisória, a vice-liderança do Campeonato Brasileiro. Já os paranaenses continuam com 31 pontos e veem a zona de rebaixamento encostar de forma perigosa na tabela de classificação.

Na próxima rodada, o São Paulo viaja até Belo Horizonte onde enfrentará o Atlético-MG em um confronto direto por uma vaga no G-4. O jogo será no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no estádio Independência.

Já o Atlético-PR recebe o Figueirense, às 18h30 (de Brasília), também no domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba.

O jogo – A partida começou de forma muito passiva, com as duas equipes trocando muitos passes no meio-campo e com pouca atitude em busca do gol. Porém, no primeiro lance em que uma das equipes arrisccou, saiu o gol. Aos 5 minutos de jogo, Ganso recebeu belo passe de Michel Bastos e ajeitou para Maicon, que arriscou um chute colocado no ângulo de Weverton e fez um golaço. O camisa 18 do São Paulo não fazia um gol em Campeonato Brasileiro desde o dia 02/12/2012, no clássico contra o Corinthians no Pacaembu.

Após o tento dos paulistas, o Atlético-PR foi obrigado a sair mais para o jogo e passou a pressionar a saída de bola dos tricolores, assim quase chegou ao empate logo aos 11 minutos. Bady fez um belo cruzamento na área, Cléo finalizou de direita no cantinho esquerdo da trave, Rogério fez uma linda defesa e impediu o empate paranaense.

O São Paulo ainda quase ampliou aos 29 minutos do primeiro tempo, quando Ganso deu outro lindo passe e achou Alexandre Pato. O atacante são-paulino ficou de frente com Weverton e finalizou de pé direito, porém a bola passou raspando na trave esquerda do goleiro atleticano.

O segundo tempo começou com o Atlético-PR pressionando muito a saída de bola do São Paulo, porém não exigia muitas defesas de Rogério Ceni. O primeiro lance de perigo da etapa final foi após uma cobrança de falta de Bady. Aos 10 minutos, o meio-campista cobrou uma falta na área, Rogério saiu mal do gol e Cleberson tentou a finalização. Antonio Carlos esticou a perna e travou o chute do zagueiro.

O jogo só voltou a ter um lance perigoso aos 21 minutos, quando Sueliton tocou para Natanael e o lateral-esquerdo arriscou de fora da área. A bola passou perto da trave de Rogério Ceni. O São Paulo respondeu rápido e na mesma moeda, com um chute de seu lateral-esquerdo, pois aos 27 minutos, Alan Kardec recebeu belo passe de Ganso e ajeitou para chegada de Michel Bastos. O camisa 7 soltou uma bomba de canhota exigindo boa defesa do goleiro atleticano.

Aos 30 minutos, um grande momento para Luis Fabiano. O camisa 9 do Tricolor entrou no lugar de Alexandre Pato e chegou ao jogo de número 300 com a camisa são-paulina, já Pato não gostou da substituição e reclamou muito.

No final, o São Paulo conseguiu segurar o impeto dos atleticanos e segurou a bola no campo de ataque e levou perigo aos 44 minutos, quando Luis Fabiano arrancou pela direita e tentou cruzamento para Kardec. O camsia 14 não conseguiu o arremate e furou a chance de aumentar a vitória.