Com Valdivia ligado, Palmeiras supera Kleina e vence Goiás no Pacaembu

  • Por Jovem Pan
  • 10/05/2014 20h27

Henrique manteve média de um gol por jogo e marcou seu terceiro pelo Palmeiras

Henrique manteve média de um gol por jogo e marcou seu terceiro pelo Palmeiras

Em crise, o Palmeiras entrou em campo diante do Goiás, neste sábado, no Pacaembu, pressionado para encerrar a série de três derrotas consecutivas. E, em seu primeiro jogo sem o demitido treinador Gilson Kleina, o time paulista mostrou grande desempenho defensivo e conquistou importante triunfo por 2 a 0, com gols do zagueiro Lúcio e do centroavante Henrique.

Com este resultado, o clube paulista sobe sete posições na tabela de classificação e, agora, aparece na sétima posição, com seis pontos. Já o Goiás, mesmo com o revés, segue na quarta posição, com sete pontos. Quem lidera a competição nacional é o Internacional, que triunfou por 2 a 1 sobre o Atlético-PR, também neste sábado, e chegou aos dez pontos.

O Palmeiras volta a entrar em campo nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), quando mede forças com Sampaio Corrêa, no Pacaembu, em partida que define sua sequência na Copa do Brasil. No mesmo dia e horário, o Goiás enfrenta o Botafogo, no Estádio Serra Dourada, pelo Campeonato Brasileiro.

O jogo – Pressionado pelo jejum de três derrotas consecutivas, o Palmeiras entrou em campo neste sábado sob comando do treinador interino Alberto Valentim. E, em busca de tornar o time mais ofensivo, o técnico promoveu algumas mudanças entre os titulares. Diogo recebeu oportunidade no setor ofensivo, enquanto Renato foi escalado na vaga de Josimar. Na lateral esquerda, Juninho, com problemas físicos, deu lugar a William Matheus.

Apesar de atuar em casa, a equipe paulista foi pressionada pelo Goiás nos primeiros minutos. Com mais posse de bola, o time goiano tinha maior controle das ações e dava poucos espaços ao adversário, que construía suas melhores jogadas em lances de bola parada.

O ritmo do jogo, porém, mudou totalmente aos 14 minutos. Após Leandro sofrer falta pelo lado direito do ataque, William Matheus cruzou na segunda trave. Lúcio, em posição de impedimento, apareceu para desviar de perna direita e marcar seu primeiro gol pelo Palmeiras, onde chegou no início deste ano.

Abalado com o gol, o Goiás passou a ser facilmente marcado pelo time mandante. Valdivia, mostrando grande disposição, era um dos principais atletas no setor de armação e ainda auxiliava nos desarmes. Em um deles, inclusive, conseguiu boa assistência para Henrique, mas o centroavante não soube aproveitar a chance.

Melhor em campo, a equipe comandada por Valentim chegou ao segundo gol ainda antes de descer para os vestiários. Aos 32 minutos, William Matheus cobrou forte arremesso lateral pelo lado esquerdo e Henrique, mesmo de costas para o gol, conseguiu completar de cabeça, sem chances ao goleiro Renan.

Na volta para a etapa complementar, o treinador Ricardo Drubscky tentou dar maior ofensividade ao seu time e promoveu mudança dupla. Campeão paulista pelo Ituano, o meio-campista Esquerdinha entrou no lugar do lateral direito Vitor. Já o experiente atacante Araújo, de 36 anos, deu lugar a Léo Bonatini. No entanto, as alterações pouco surtiram efeito.

Tranquilo em campo, o Palmeiras continuou bem posicionado e ainda buscou algumas jogadas ofensivas, principalmente através de Valdivia. Com os jogadores bastante comprometidos com o sistema defensivo, o time comandado interinamente por Valentim não sofreu grandes sustos e, depois de 20 dias, voltou a vencer uma partida.