Confederação Atlética Brasileira de MMA suspende José Aldo e Chad Mendes

  • Por Jovem Pan
  • 27/10/2014 17h48

Manaura se consolida ainda mais como um dos melhores peso por peso do MMA mundial

José Aldo vence batalha contra Chad Mendes

Após a realização do UFC 179, no último sábado (25), no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro (RJ), a Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA) divulgou a lista de lutadores que participaram do evento e que estão de suspensão médica, por conta de lesões sofridas. José Aldo, brasileiro que manteve o cinturão da categoria peso-pena, e o norte-americano Chad Mendes, que foi derrotado no combate principal, pegaram 60 dias de suspensão e precisarão ficar 45 dias sem atividade de contato físico.

Phil Davis, que sofreu lesão na mão direita na vitória sobre Glover Teixeira, e Scott Jorgensen, que perdeu para Wilson Reis e fraturou a costela durante a luta, pegaram suspensões de 180 dias cada um, exceto se conseguirem liberação de um ortopedista com raio-x dos locais machucados.

As suspensões médicas concedidas pela CABMMA são baseadas nas criteriosas avaliações do grupo médico da Confederação, feitas após a luta de cada um dos atletas.

Confira a lista de suspensões médicas divulgada pela CABMMA:

Lutador – Tempo sem lutar/Tempo sem contato físico (dias)

Tony Martin – 14/7

Fabricio Camoes – 30/21

Christos Giagos – 30/21  

Gilbert Burns – 14/7

Andre Fili – 30/21

Felipe Arantes – 30/21

Wilson Reis – 14/7

Scott Jorgensen – 180 dias ou liberação de um ortopedista com raio-x da costela

Naoyuki Kotani – 30/21

Yan Cabral – 14/7

Neil Magny – 30/21

Willian Patolino – 45/30

Beneil Dariush – 45/30

Diego Ferreira – 45/30

Lucas Martins – 45/30

Darren Elkins – 45/30

Hans Stringer – 45/30

Fabio Maldonado – 30/21

Phil Davis – 180 dias ou liberação de um ortopedista com raio-x da mão direita

Glover Teixeira – 45/30

Chad Mendes – 60/45

Jose Aldo – 60/45